Serras e rios de portugal
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Serras e rios de portugal

on

  • 24,615 reproducciones

apresentação

apresentação

Estadísticas

reproducciones

reproducciones totales
24,615
reproducciones en SlideShare
24,542
reproducciones incrustadas
73

Actions

Me gusta
13
Descargas
357
Comentarios
0

7 insertados 73

http://blogestrelinhasnavegantes.blogspot.pt 31
http://escolas.madeira-edu.pt 19
http://turminhapirata.blogspot.com 9
http://turminhapirata.blogspot.pt 8
http://blogestrelinhasnavegantes.blogspot.com.br 4
http://blogestrelinhasnavegantes.blogspot.com 1
http://blogestrelinhasnavegantes.blogspot.de 1
Más...

Accesibilidad

Categorias

Detalles de carga

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Derechos de uso

© Todos los derechos reservados

Report content

Marcada como inapropiada Marcar como inapropiada
Marcar como inapropiada

Seleccione la razón para marcar esta presentación como inapropiada.

Cancelar
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Tu mensaje aparecerá aquí
    Processing...
Publicar comentario
Edite su comentario

    Serras e rios de portugal Serras e rios de portugal Presentation Transcript

    • Rios e Serras de Portugal
      Rio Guadiana
    • Os Rios de Portugal Continental
    • Rio Minho
      O rio Minho é um rio internacional que nasce a uma altitude de 750 m na serra de Meira, em Espanha, e percorre cerca de 300 quilómetros até desaguar no em Caminha. Nos últimos 75 quilómetros do seu percurso serve de fronteira entre Espanha e Portugal.
    • Rio Lima
      O rio Lima é um rio internacional que nasce a uma altitude de 975 m no monte Talariño, em Espanha. Passa por Ponte da Barca e Ponte de Lima, até desaguar junto a Viana do Castelo, após percorrer um total de 135 quilómetros.
    • Rio Cávado
      O rio Cávado é um rio de Portugal que nasce na Serra do Larouco, mais propriamente na fonte da Pipa, a uma altitude de cerca de 1520 m, e desagua em Esposende, após um percurso de 125 km.
    • Rio Tua
      O rio Tua é um afluente da margem direita do rio Douro onde desagua junto à localidade de Tua.
      Resulta da junção de dois outros rios: o rio Tuela e o rio Rabaçal. Estes nascem em Espanha, entrando ambos em Portugal através do concelho de Vinhais.
    • Rio Tâmega
      O rio Tâmega é um rio internacional, que nasce em Espanha e desagua em Entre-os-Rios no Rio Douro. Ao longo do seu percurso, atravessa o centro de cidades como Chaves e Amarante.
    • Rio Ave
      O Ave é um rio português, que nasce na Serra da Cabreira, a cerca de 1200 m de altitude. Percorre cerca de 94 km até desaguar no em Vila do Conde.
    • O rio Sabor é um rio que nasce em Espanha, mas entra logo em Portugal, atravessando a Serra de Montesinho no distrito de Bragança. Afluente da margem direita do rio Douro, passa perto da cidade de Bragança, de onde recebe as águas do rio Fervença, indo desaguar perto da Torre de Moncorvo, na aldeia da Foz do Sabor.
      Rio Sabor
    • Rio Douro
      O rio Douro é um rio que nasce em Espanha, nos picos da Serra de Urbião, a 2.080 metros de altitude e atravessa o norte de Portugal.
    • RioDouro
      A foz do Douro é junto às cidades do Porto e Vila Nova de Gaia. Tem 895 km de comprimento. É o segundo rio mais extenso da Península Ibérica, e segundo muitos, um dos mais belos.
    • Rio Vouga
      O rio Vouga é um rio do centro de Portugal, que nasce a 864 metros de altitude, na serra da Lapa. Pouco antes de chegar ao mar, as suas águas separam-se em inúmeros canais de terreno baixo e pantanoso, dando-se início à formação da Ria de Aveiro.
    • Rio Mondego
      O rio Mondego é o quinto maior rio português e o primeiro de todos os que têm o seu curso inteiramente em Portugal. Nasce na Serra da Estrela e tem a sua foz no Oceano Atlântico, junto à cidade da Figueira da Foz. É o rio que banha a cidade de Coimbra.
    • Rio Zêzere
      O rio Zêzere é um rio inteiramente português. Nasce na serra da Estrela, a cerca de 1900 m de altitude. Desagua no rio Tejo em Constância, após um curso de cerca de 200 quilómetros. É o segundo maior rio exclusivamente português, após o rio Mondego. Representa uma notável riqueza hidroeléctrica, aproveitada em três barragens (Bouçã, Cabril e Castelo de Bode).
    • Rio Tejo
      O Tejo é o rio mais extenso da Península Ibérica. A sua bacia hidrográfica é a terceira mais extensa na península, atrás do rio Douro e do rio Ebro. Nasce em Espanha – onde é conhecido como Tajo – a 1593 m de altitude na Serra de Albarracín.
    • Rio Tejo
      Desagua no Oceano Atlântico, banhando Lisboa, após um percurso de cerca de 1040 km.
    • Rio Sado
      O Sado é um rio português, que nasce a 230m de altitude, na Serra da Vigia e percorre 180 quilómetros até desaguar no oceano Atlântico perto de Setúbal, sendo o seu estuário a separar Setúbal, na margem norte, de Tróia a sul. É dos poucos rios da Europa que corre de Sul para Norte.
    • Rio Mira
      O Mira é um rio português que nasce na Serra do Caldeirão, a uma altitude de 470 m, e percorre cerca de 145 km até desaguar no oceano Atlântico junto a Vila Nova de Milfontes. É dos poucos rios da Europa que corre de sul para norte, tal como o rio Sado.
    • Rio Guadiana
      O rio Guadiana é um rio internacional da Península Ibérica que nasce a uma altitude de cerca de 1700m, nas lagoas de Ruidera, e entre a cidade portuguesa de Vila Real de Santo António e a espanhola de Ayamonte.
    • Rio Guadiana
      Com um curso total de 870 km, é o quarto mais longo da Península Ibérica.
    • As Serrasde Portugal
    • Serra da Peneda
      A Serra da Peneda é a quinta maior elevação de Portugal Continental, com 1.416 metros de altitude no ponto mais. Situa-se no Alto Minho, nas proximidades de Castro Laboreiro, fazendo parte do sistema montanhoso da Peneda-Gerês.
    • Serra do Gerês
      A Serra do Gerês é a segunda maior elevação de Portugal Continental. Tem e 1548 metros de altitude. Faz parte do sistema montanhoso da Peneda-Gerês.
    • Serra do Larouco
      A Serra do Larouco é a terceira maior elevação de Portugal Continental, com 1535 metros de altitude; situa-se na fronteira do distrito de Vila Real com a Galiza. Esta serra faz parte do sistema montanhoso da Peneda-Gerês.
    • Serra do Marão
      A Serra do Marão é a sexta maior elevação de Portugal Continental, com 1415 m de. Situa-se na região de transição do Douro Litoral para o Alto Douro.
    • Serra de Mogadouro
      A Serra de Mogadouro é uma elevação de Portugal Continental, com 993 metros de altitude. Situa-se no concelho de Mogadouro, no Alto Trás-os-Montes.
    • Serra de Montesinho
      É a quarta maior elevação de Portugal Continental, com 1486 metros de altitude. Situa-se no Alto Trás-os-Montes, nos concelhos de Bragança e Vinhais.
    • Serra da Estrela
      Serra de Estrela, é o nome dado à cadeia montanhosa e à serra onde se encontram as maiores altitudes de Portugal Continental, constituindo a segunda mais alta montanha de Portugal (apenas a Montanha do Pico, nos Açores, a supera).
    • Serra da Gardunha
      A Serra da Gardunha é uma elevação de Portugal Continental com1227 metros de altitude. Situa-se na Beira Baixa, concelho de Fundão, Distrito de Castelo Branco.
    • Serra da Lousã
      A Serra da Lousã é uma elevação de Portugal Continental, com 1205 m de altitude. Situa-se na transição do distrito de Coimbra para o de Leiria.
    • Serra da Arrábida
      A Serra da Arrábida é uma elevação situada na margem norte do estuário do Rio Sado, na Península de Setúbal, com o ponto mais alto a 501 metros de altitude e características peculiares de clima e flora.
    • Serra de S. Mamede
      A Serra de São Mamede é uma elevação de Portugal Continental, com 1025 metros de altitude. Situa-se no Alto Alentejo, distrito de Portalegre.
    • Serra do Caldeirão
      A Serra do Caldeirão marca a fronteira entre o Litoral e o Barrocal algarvios e o Baixo Alentejo. No seu ponto mais alto atinge os 589 metros. Apesar da sua modesta altitude, forma uma paisagem muito peculiar, onde elevações arrendondadas, os cerros, são cortadas por uma densa rede hidrográfica, constituída na sua maior parte por cursos de água temporários. O relevo é por este motivo bastante acidentado em diversos pontos.
    • Serra de Monchique
      A Serra de Monchique é uma serra do oeste do Algarve, cujo ponto mais elevado - Foia, com 902 m de altitude - é o mais alto do Algarve.
    • Montanha do Pico
      O cume da montanha do Pico está a 2.351 m acima do nível médio do mar, sendo o ponto mais alto de Portugal. No cimo da montanha que constitui a parte ocidental da ilha do Pico, no arquipélago dos Açores, localiza-se uma cratera de vulcão com cerca de 700 metros de perímetro e uma profundidade de cerca de 30 metros.
    • Pico Ruivo
      O Pico Ruivo, no concelho de Santana, na Ilha da Madeira, é, com os seus 1862 metros de altitude, a terceira montanha mais alta de Portugal, e a mais alta do Arquipélago da Madeira.
    • Pico do Areeiro
      O Pico do Areeiro é um pico situado na ilha da Madeira. Com 1818 metros de altitude é o segundo pico mais alto da ilha, depois do Pico Ruivo.
    • Os Principais Rios de Portugal
    • As Principais Serras de Portugal
    • Os Rios e as Serras
      Trabalho realizado pela turma b4C
      EB1 de Bom João – Faro
      Ano letivo 2010/2011