Se ha denunciado esta presentación.
Utilizamos tu perfil de LinkedIn y tus datos de actividad para personalizar los anuncios y mostrarte publicidad más relevante. Puedes cambiar tus preferencias de publicidad en cualquier momento.

Massagens

10.729 visualizaciones

Publicado el

Curso Técnicas de Esteticismo-Cosmetologia
Centro de Emprego e Formação Profissional
UFCD: 3618 Ética Deontologia Profissional e Relações – Nível 4
Formadora: Ana Catarina
Formando: Adriana Alves;
Adriana Tavares;
Sara Figueira;
Daniella Nóbrega;
Neuza Matilde

Publicado en: Educación
  • Inicia sesión para ver los comentarios

Massagens

  1. 1. As massagens Formadora: Ana Catarina Formando: Adriana Alves; Adriana Tavares; Sara Figueira; Daniella Nóbrega; Neuza Matilde. Curso Técnicas de Esteticismo-Cosmetologia Centro de Emprego e Formação Profissional UFCD: 3618 Ética Deontologia Profissional e Relações – Nível 4 FARO 2014/2015
  2. 2. Introdução  Trabalho com o objetivo de realizar uma abordagem profunda ao tema, Massagens. Mais concretamente a definição da massagem, a sua história, cuidados a ter na massagem, produtos a utilizar, quais as condições necessárias para realização dessa, efeitos de massagem e outros pontos referentes à mesma.  Para entender as massagens é necessário compreender quem as faz. Para isso damos uma breve explicação sobre o nosso curso ou sobre profissões relacionadas com o tema em questão.
  3. 3. Estimula a circulação, a mobilidade, elasticidade ou alívio de determinadas dores corporais, pode curar traumas físicos e aliviar o stress psicológico. A massagem é um conjunto de técnicas estéticas que consiste em manobras praticadas num individuo. A massagem é tão antiga como a própria origem do ser humano, é a forma mais primitiva e intuitiva de tratar. Definição A massagem pode ser aplicada em diversas partes do corpo, tendo vários tipos de massagens que se adequam a diversas situações. Utilizando a aplicação de força ou vibração sobre tecidos do corpo, incluindo músculos, tecidos conectivos, tendões, ligamentos e articulações.
  4. 4. Efeitos de Massagem Efeitos fisiologicos  Aumento da circulação sanguínea e linfática.  Aumento do fluxo de nutrientes.  Estimulação do processo de cicatrização.  Elimina os metabólitos, melhora as trocas nutritivas que se devem, respectivamente ao aumento da circulação linfática, venosa e arterial.  Resolução do edema e hematoma crónico.  Alívio da dor.  Aumenta a temperatura dos tecidos.  Estimulação das funções viscerais.  Remoção de secreções pulmonares.  Promoção de relaxamento local e geral. Efeitos fisicos: Sobre a pele: elimina células mortas a nível da epiderme, melhora a respiração cutânea pelo aumento da secreção glandular e actua sobre os receptores nervosos que se encontram na pele. Sobre o tecido adiposo: pela acção directa, reflexa, mecânica ou neurofisiológica, quando são utilizadas técnicas de massagem com um doseamento adequado, perdem-se gorduras e peso, seja por uma acção de aceleração metabólica e pelo aumento da irrigação. Efeitos psicológicos  Efeito calmante;  Sensação agradável da massagem,  Inspira um estado de confiança; a massagem alivia a ansiedade e tensão do utente;  Estimulação da actividade física; alívio da dor;  Relaxamento físico
  5. 5. História da Massagem É dificil encontrar fontes concretas que nos ajudem a perceber a sua evolução. Contudo para que lá cheguemos, temos de analisar certos passos ou pessoas relaccionadas com o seu desenvolvimento. Comprovação de Antiguidade na linha de Tempo Usada já há milhares de anos, fato comprovado em pinturas murais ou tumulos, em ceramicas com registo de desenhos sobre a pratica de tecnicas de Massagem em diversos sitios como na china, japão, Egipto e Pérsia. Desenvolvimento da Massagem Ao longo de vários milênios, deixou de ser um simples amassar, e passou a existir técnicas descritas com objetivo de reequilibrar o funcionamento do corpo e reestabelecer o bem estar fisico, psiquico ou emocional. Cada cultura, com base nessa, desenvolveu o seu próprio estilo de massagem. Referente ao antigo como ao moderno, pois o surgir de novas técnicas é regular. Palavra Massagem  Originou-se no grego antigo, traduzido significa “amassar”. Adriana Alves
  6. 6. Pessoas Envolvidas “Utilizada na medicina grega e romana.”  Hipócrates, “Pai da medicina”, recomendava “esfregar” para ajudar/aliviar o corpo.  Asclepiedes, outro médico grego, teve grande influÊncia no desenvolvimento da masssagem, focando-se na hidroterapia.  Galeno(129-199 d.C) apresentou classificações detalhadas e descrições de técnicas em termos de qualidade (pressão e direção) e quantidade (frequência e tratamento), que foram colocadas num escrito. Ele escreveu aproximadamente 16 livros relacionados com a prática da massagem. Os gregos valorizavam a saude, forma fisica, beleza e potencia atletica. A massagem era utilizada antes e depois de cada desporto. Acreditavam que com a “Apoterapia” era preparada a musculatura e limpava os membros de materias superfluas ou de fluidos apos atividades exaustivas. Deu-se o desaparecimento da massagem na Idade Média nas práticas clinicas. A igreja achava que a massagem tinha conotação sexual. Adriana Alves
  7. 7.  Cirugião Francês Ambroise Paré começou a incentivá-la novamente no século XVI.  O sueco Per Henrik Ling que organizou a massagem e os exercicios terapeuticos num sistema chamado ginástica médica. As pessoas acreditavam no trabalho de Ling e propagaram a sua ideia pela Inglaterra, França, Austria, Alemanha e Russia. A massagem iniciou-se nos Estados Unidos apartir de 1900, com influencia de escrituras de um medico de Boston, Douglas Grahm. Novas tecnicas foram sendo descobertas no Ocidente nos seguintes 50 anos.  Mennell e Cyriax, ingleses, utilizaram uma forma especifica de massagem com a fricçao profunda para estruturas articulares profundas que estavam magoadas, em condiçoes agudas ou cronicas. Nos três seculos que se seguiram a massoterapia espalhou-se por varios paises...  Cornelius, um médico alemão, pesquisou uma variante de massagem em zonas reflexas, aplicado com os polegares, fazendo uma pressão profunda em pontos específicos, uma digitopressão, o que chamou de massagem em pontos nervosos. Assim surgiu o tratamento oriental de acupressura ou Shiatsu, que foi descrito na literatura médica ocidental Adriana Alves
  8. 8. Massagem e a Profissão  A Estéticista As principais funções de uma esteticista:  Atendimento ao cliente e aconselhamento sobre cuidados esteticos de mãos, pés e unhas.  Utilizam técnicas adequadas e selecionam equipamentos , utensilios e produtos apropriados.  Efectuam maquilhagens, tratamento esteticos de rosto e corpo, realização de massagens utilizando processos manuais ou equipamentos eletricos.  Alguns nomes sao importantes para o desenvolvimento do esteticismo, um deles Hipocrates que tambem desenvolveu a massagem. Adriana Alves
  9. 9. Quais as Condições para a realização de um bom Trabalho? Para trabalhar bem e de forma independente é necessário ter um percurso completo na área de estética. A estéticista pode trabalhar para outros ou ter o seu gabinetes e prestar os seus serviços com a máxima atenção a:  Temperatura ambiente;  Silêncio ou música ambiente;  Mãos quentes;  Obscuridade;  Marquesa confortável. Daniella
  10. 10. Quais os cuidados a ter com a Massagem?  Unhas curtas e sem arestas;  Assepsia das mãos;  Mudar as toalhas em frente ao cliente;  Higienizar o cliente. Daniella
  11. 11. Produtos a utilizar  Óleo próprio para a massagem;  Creme de massagem;  Lubrificantes  Durante a massagem, essas substâncias são particularmente úteis no tratamento da pele e dos tecidos subcutânios e cicatrizes , pele seca e áreas deficientes.  O óleo natural de uso comum também aplicado em massagem é por exemplo o azeite. Daniella
  12. 12.  Apenas quantidades suficientes que permitam o deslizamento suave das mãos sobre a pele. Quando a quantidade é demasiada, impede, o terapeuta de realizar manobras que sejam fixas nos tecidos.  Deve ser depositada em ambas as palmas sendo aplicada na área, com o primeiro movimento de alisamento. Daniella
  13. 13.  Equipamentos específicos; O equipamento para uma massagem bem sucedida é um par de mãos bem treinadas por uma mente inteligente, contudo há outros equipamentos importantes e outros metodos de massagen.  Toalhas;  Roupa interior descartáveis (cuecas);  Essências. Daniella
  14. 14. Sessão de Massagem Neuza  O paciente deita-se numa maca terapêutica apropriada, é extremamente importante o apoio para a cabeça , ombros, e outras partes do corpo;  Estes aspetos ajudam a garantir um procedimento ótimo, aumentando significamente a eficiência e conforto em geral do tratamento para ambos;  A massagem pode ser administrada com o paciente sentado. A massagem está indicada quando se deseja:  Tonificar a pele, aumentando a sua firmeza;  Melhorar a circulação sanguínea para diminuir os inchaços:  Potenciar os tratamentos de celulite, pois a massagem reduz os infiltrados e as fibroses;  Libertar as aderências e melhorar as cicatrizes e estreias;  Relaxar a contração muscular;  Fortalecer os músculos debilitados;  Relaxar geralmente nos estados de tenção, insónia, nervosismo e ansiedade.
  15. 15. Massagem Clássica Neuza
  16. 16. O que é?  A massagem clássica pode ser definida como uma compressão metódica e rítmica do corpo, ou parte dele, para que se obtenham efeitos terapêuticos.  Conjunto de várias técnicas manuais que atuam nos tecidos corporais, com efeito sob o sistema nervoso, muscular, circulatório e energético, mobilizando estruturas variadas. Neuza
  17. 17. Efeitos da massagem clássica Neuza  Os principais efeitos estão no desenvolvimento do relaxamento muscular local e geral; alívio da dor; aumento da circulação sanguínea e linfática; libertação de histamina proporcionando hiperemia local;  Melhora da vascularização periférica proporcionando oxigenação tecidual; aumento da nutrição tecidual; remoção de produtos catabólitos; alívio de síntomas característicos da ansiedade e da tensão (stress);  Aumento da maleabilidade e extensibilidade tecidual; aumento da mobilidade articular.
  18. 18. História da Massagem Clássica A Massagem demoninada Clássica deriva das antigas formas de massagem aplicadas na Grécia, tendo sido sobretudo no início do séc. XIX que esta técnica voltou às "luzes da ribalta", tornando-se popular na Europa através do desenvolvimento dado pelo ginasta sueco Per Henrik Ling que aliou os seus conhecimentos de ginástica à prática da massagem aprendida na China, criando assim a técnica que ficou conhecida por Massagem Clássica. Adriana Tavares
  19. 19.  A Massagem clássica consiste em fazer pressão, sempre no sentido do fluxo sanguíneo, em diferentes pontos do corpo. Recorre-se também a técnicas de frição para melhorar o retorno do sangue ao coração. Neste tipo de massagem costuma ser usual a aplicação de determinados óleos ou pó de talco, para reduzir a sensação de fricção.  Os efeitos da massagem clássica podem ser divididos em: circulatórios, neuromusculares, metabólicos e reflexos. Adriana Tavares
  20. 20. Video de Massagem Clássica
  21. 21. Algumas massagens...  Shiatsu  Reiki  Reflexologia  Relaxamento  Massagem Clássica Terapeutica  Massagem de Pedras Quentes  Massagem Tailandesa  Drenagem Linfática  Massagem Ayurvédica Adriana Tavares
  22. 22. Conclusão Adriana Tavares  Em suma, aprendemos que existe vários tipos de massagens para várias formas de tratamentos ou relaxamentos.  Os materiais utilizados perante as mesmas.  E conhecer quais as condições num gabinete de estética relativamente à massagem.  Entender a história da massagem e da massagem clássica e as suas origens vertentes.

×