Se ha denunciado esta presentación.
Utilizamos tu perfil de LinkedIn y tus datos de actividad para personalizar los anuncios y mostrarte publicidad más relevante. Puedes cambiar tus preferencias de publicidad en cualquier momento.

12º Insurance Service Meeting - Carlos de Paula

75 visualizaciones

Publicado el

Palestra apresentada por Carlos de Paula, Diretor de Supervisão e Conduta da Superintendência de Seguros Privados (SUSEP).

Publicado en: Economía y finanzas
  • Sé el primero en comentar

  • Sé el primero en recomendar esto

12º Insurance Service Meeting - Carlos de Paula

  1. 1. Carlos de Paula São Paulo – BR – Novembro/18
  2. 2. Cenário
  3. 3. Pontos Fortes * Diálogo entre a SUSEP e representantes do mercado supervisionado * Diálogo entre a SUSEP e novos participantes do mercado * Diálogo entre a SUSEP e outras congêneres (CVM, BCB, Previc) * Participação no GT de Fintech do LAB de Inovação Financeira Pontos Fracos * Pouco conhecimento dos novos entrantes * Pouca disseminação da cultura de inovação dentro da própria Autarquia * Processos de mudança lentos * Regulação pouco flexível a nichos ou a agentes de mercado de menor risco sistêmico Oportunidades * Incremento da educação financeira e securitária * Novos produtos de seguros, incluindo o seguro cibernético e os seguros sob demanda * Maior acesso à cobertura securitária * Melhores condições de preço (otimização de custos) Ameaças * Riscos cibernéticos * Pouca difusão da mentalidade de prevenção de riscos * Lei de proteção de dados pessoais * Projeto de Lei da Câmara sobre cooperativas e associações SWOT AnáliseInterna AnáliseExterna
  4. 4. Visão da SUSEP
  5. 5. 03 jul 2012  Tripé da Comissão de Inovação e Insurtech 1ª onda: alinhamento de expectativas com representantes da indústria Principal resultado: Resolução CNSP 319/2018 2ª onda: alinhamento com outras autoridades de supervisão do Sistema Financeiro Nacional (CVM, BCB e Previc) Principal resultado: estudo para implementação de um sandbox regulatório conjunto. 3ª onda: aproximação com insurtechs ou pessoas e instituições ligadas à inovação Principal resultado: realização de evento com elevator pitchs destes atores em novembro.
  6. 6. Perspectivas
  7. 7. Suptech • Sistema de Monitoramento Eletrônico das Operações (SIMEO): minuta de Resolução vai para consulta pública de 45 dias e entrará na reunião do CNSP de dezembro, com proposta de vacatio de um ano. • Na Circular subsequente, a ideia será começar pelo Seguro Garantia. Com o sistema operacional, a área de monitoramento de conduta terá como fazer o controle de acúmulo de tomadores, exposição nas diversas modalidades de seguro garantia (judicial, performance etc), controle de prazo para regulação de sinistro, capacidade das empresas evitarem sinistros a partir do aviso das expectativas de sinistro, motivos de negativa de indenização etc.
  8. 8. Sandbox • Revolução digital no mercado financeiro/seguros foi iniciada pelas Fintechs e posteriormente Insurtechs. • Desafios para entender gargalos regulatórios para inovação: coleta de pontos de vista de players fora da caixa. • Aplicabilidade de sandbox regulatório. • Levantamento de desafios e obstáculos para sandbox regulatório. • Diferenciação dos modelos de negócios financeiro e de seguros, sendo o primeiro intermediação e o segundo garantidor, com assunção de riscos. Modelo de longo prazo.
  9. 9. “Criamos o futuro e inspiramos as pessoas.” Grato, Carlos de Paula.

×