Se ha denunciado esta presentación.

Noções de Funções

15

Compartir

Próximo SlideShare
Funções
Funções
Cargando en…3
×
1 de 22
1 de 22

Noções de Funções

15

Compartir

Sugestão de aula de Matemática para o Ensino Médio Integrado da Fundação de Apoio à Escola Técnica. Produzido pela Diretoria de Desenvolvimento da Educação Básica e Técnica/FAETEC.

Sugestão de aula de Matemática para o Ensino Médio Integrado da Fundação de Apoio à Escola Técnica. Produzido pela Diretoria de Desenvolvimento da Educação Básica e Técnica/FAETEC.

Más Contenido Relacionado

Libros relacionados

Gratis con una prueba de 30 días de Scribd

Ver todo

Audiolibros relacionados

Gratis con una prueba de 30 días de Scribd

Ver todo

Noções de Funções

  1. 1. Autoras: Fernanda Cristina Katia Dutra
  2. 2. Na ciência e nas mais variadas atividades humanas, as funções são usadas para descrever e estudar a relação entre grandezas. Muitos problemas da área de Administração requerem a expressão matemática das variáveis e parâmetros envolvidos na forma de funções. Vamos usar a notação matemática e estudar as funções associadas a situações simples da vida de um cidadão, tais como compra e venda de produtos, orçamentos, financiamentos e aplicações financeiras e conceitos da economia. Vamos começar?
  3. 3. Dona Cida e sua família são vorazes consumidores de pizzas. Quando os seus filhos e seus netos a visitam de “surpresa”, todas as sextas-feiras, a alternativa mais prática para Dona Cida que detesta cozinhar para muita gente, é comprar as pizzas e dividir os custos entre todos. Na Pizzaria Sabor Maravilha, preferida dos parentes de Dona Cida, todas as pizzas têm o mesmo preço: P = R$ 25,00
  4. 4. Para calcular o custo de qualquer número de pizzas, podemos fazer a seguinte expressão matemática: onde C(n) é o custo de n pizzas (R$) P é o preço de uma pizza (R$/unidade de pizzas) e n é o número de pizzas. Essa expressão associa as variáveis C e n que chamamos de lei da função. C(n) = P . n
  5. 5. Usamos a seguinte notação: que se lê: f é uma função de A em B A função f transforma x de A em y de B. f x y A B Fique por dentro
  6. 6. Podemos representar uma função de várias formas: Noção de função usando a nomenclatura de conjuntos. 1. Observe os conjuntos A e B relacionados da seguinte forma: em A alguns números inteiros e em B outros . Devemos associar os elementos de A ao seu triplo em B. Note que:  todos os elementos de A têm correspondente em B;  a cada elemento de A corresponde um único valor de B. Nesse caso, temos uma função de A em B, expressa pela fórmula: y= 3x BA 7 6 - 6 - 4 - 3 0 3 2 1 0 - 1 - 2 - 2 -6 - 1 -3 0 0 1 3 2 6
  7. 7. 2. Dados A ={0, 4} e B = { 2, 3, 5 }, relacionamos A e B pela seguinte forma: cada elemento de A é menor do que um elemento de B. Nesse caso não temos uma função de A em B , pois ao elemento 0 de A correspondem três elementos de B (2, 3 e 5, pois 0 < 2, 0 < 3 e 0 < 5 ) e não apenas um único elemento de B. 0 4 3 2 5 A B
  8. 8. 3. Dados A = { -4 , -2, 0, 2, 4} e B = { 0, 2, 4, 6, 8}, associamos os elementos de A ao seu igual em B. Observe que há elementos de A (os números – 4 e – 2) que não têm correspondente em B. nesse caso não temos uma função de A em B. - 4 - 2 0 2 4 2 0 4 6 A B 8
  9. 9. 4. Dados A = {- 2 , - 1, 0, 1, 2 } e B = { 0, 1, 4, 8, 16} e a correspondência entre A e B dada pela fórmula y = x4 com x A e y B, temos: Todos os elementos de A têm correspondente em B; A cada elemento de A correspondente um único elemento de B. 0- 2 - 1 0 1 2 8 4 1 16 A B
  10. 10. Funções definidas por fórmulas matemáticas: Grande parte das funções que estudamos é determinada por fórmulas matemáticas (regras ou leis). No início da nossa aula, vimos uma correspondência entre o número de pizza e o preço a pagar: Vamos supor que a família de D. Cida tenha consumido num desse encontros de sexta-feira cinco pizzas. Qual foi o valor da conta na Pizzaria Sabor Maravilha, sabendo que cada pizza custa R$ 25,00? A nossa função é dada por Você já pode calcular o valor: Logo a família de D. Cida vai para R$ 125,00. C(n) = P . n C(5) = 25 . 5 C(5) = 125
  11. 11.  Uma firma que conserta televisores cobra uma taxa fixa de R$ 40,00 de visita mais R$ 20,00 por hora de mão de obra. Então o preço y que se deve pagar pelo conserto de um televisor é dado em função do número x de horas de trabalho ( mão-de-obra). A fórmula matemática que expressa esse problema é: Um restaurante aumenta seus preços em 10% para cobrir despesas de serviços. Chame de p os preços do cardápio e de y os preços com acréscimos. A fórmula matemática que expressa esse problema é: Outras funções expressas por fórmulas matemáticas: y = 20x + 40 y = 1,1 p
  12. 12. n Custo (R$) 0 0 1 25 2 50 3 75 4 100 5 125 Funções definidas por meio de uma tabela de valores: Observe a tabela que podemos construir para representar a função Custo de pizzas C(n):
  13. 13. Em livros, revistas e jornais frequentemente encontramos gráficos e tabelas que procuram retratar um determinada situação. Esse gráficos e tabelas, em geral, representam funções e por meio deles podemos obter informações sobre a situação que retratam, bem como sobre as funções que representam. Podemos representar a função Custo de pizzas C(n), na forma de gráfico, localizando cada ponto (n,C) no Plano Cartesiano : Funções definidas por meio de um gráfico: C(n) (R$) n (unidades) 125 100 75 50 25 543210
  14. 14. É fácil verificar que os pontos estão alinhados. Esse alinhamento ocorre porque para cada aumento de uma pizza, aumenta sempre os mesmos R$ 25,00. Na maioria dos casos, o gráfico permite uma análise mais detalhada da função representada e revela informações que seriam menos perceptíveis em uma fórmula ou uma tabela.
  15. 15. Domínio ou conjunto de partida: é o conjunto A, e é indicado por D (f) Contradomínio é ou conjunto de chegada: é o conjunto B, e é indicado por Cd (f). Imagem: é o subconjunto do contradomínio e corresponde a um conjunto constituído de elementos de B que estão associados a elementos de A, e é indicado por Im (f).
  16. 16. Dados A = {- 2 , - 1, 0, 1, 2 } e B = { 0, 1, 4, 8, 16} e a correspondência entre A e B dada pela fórmula y = x4 com x A e y B, temos: D(f) = A Cd(f) = B Im(f) = {0, 1, 16 } 0- 2 - 1 0 1 2 8 4 1 16 A B Veja o exemplo:
  17. 17. Você pode obter mais informações sobre os assuntos que tratamos na internet. Assista a esse vídeo sobre as funções em nosso dia a dia. Navegando... http://www.youtube.com/watch?v=AZapJ-AVAe4
  18. 18. Teste os seus conhecimentos. Agora é sua vez! 1. Um vendedor recebe um ordenado fixo de R$ 500,00. Além disso, recebe mais de R$ 10,00 cada vez que vende uma unidade do produto com qual trabalha. a) Complete a tabela: b) Qual é a expressão matemática que exprime a relação? c) Qual é o menor salário que o vendedor pode receber? 2. Um fabricante vende um produto por R$ 0,80 a unidade. O custo total do produto consiste numa taxa fixa de R$ 40,00 mais o custo de produção de R$0,30 por unidade. a) Qual o número de unidades que o fabricante deve vender para não ter lucro nem prejuízo? b) Se vender 200 unidades desse produto, o comerciante terá lucro ou prejuízo? Unidades vendidas 0 1 2 3 40 10 x Salário (R$) 500 510
  19. 19. 3. Um consumidor comprou um automóvel por R$ 20 000,00, contatando que, no final de cada ano de uso, o valor de mercado do veículo diminuiu para 90 % do valor de um amo atrás. a) Complete a tabela, mostrando o valor de mercado do automóvel ao final de cada ano de uso. b) Indicando por y o valor de mercado desse automóvel com x anos de uso, escreva a equação que relaciona x e y. c) O valor de mercado do automóvel é função do tempo de uso? Por quê? Tempo de uso do automóvel (anos) Valor de mercado (R$) 0 20 000,00 1 0,9 . 20 000 2 3 x
  20. 20. GABARITO 1) a) b) y = 500 + 10 x c) Sim. Porque a cada quantidade vendida temos um único salário associado. d) R$ 500 2) a) 80 unidades b) Lucro Unidades vendidas 0 1 2 3 40 10 x Salário (R$) 500 510 520 530 900 600 500+10x
  21. 21. 3) a) b) y= (0,9)x . 20 000 c) Sim, porque cada tempo de uso está associado a um único valor de mercado. Tempo de uso do automóvel (anos) Valor de mercado (R$) 0 20 000,00 1 0,9 . 20 000 2 3 x
  22. 22. 1. BARRETO FILHO, Benigno e SILVA, Cláudio Xavier. Matemática aula por aula, volume 1: ensino médio (2º grau). São Paulo: FTD, 1998. 2. DANTE, Luiz Roberto. Matemática: contexto & aplicações, volume 1: ensino médio e preparação para educação superior. São Paulo: Ática, 2003. 3. SILVEIRA, Ênio e MARQUES, Cláudio. Matemática vol.4. São Paulo: Moderna, 1995 . 4. SMOLE, Kátia Cristina Stocco Smole e KIYUKAWA, Roko Saburo. Matemática: Ensino Médio vol. 1. São Paulo: Saraiva, 1998. Referências Bibliográficas

×