Se ha denunciado esta presentación.
Se está descargando tu SlideShare. ×

Ad

Aula 03 - Ferramentas para Modelagem de Dados
Sumário
Descrição das ferramentas
A Ferramenta DBDesigner
Usando o DBDesigne...

Ad

A Ferramenta DBDesigner
O DBDesigner é uma ferramenta disponibilizada pelo grupo fabforce - Fabulous Force Database Tools
...

Ad

Figura 5 - Tela Principal do DBDesigner
Área Descrição
Barra de Ferramentas Acesso através de ícones as principais funções...

Ad

Ad

Ad

Ad

Ad

Ad

Ad

Ad

Próximo SlideShare
Apostila de Crystal Report
Apostila de Crystal Report
Cargando en…3
×

Eche un vistazo a continuación

1 de 11 Anuncio
1 de 11 Anuncio
Anuncio

Más Contenido Relacionado

Anuncio

Aula3

  1. 1. Aula 03 - Ferramentas para Modelagem de Dados Sumário Descrição das ferramentas A Ferramenta DBDesigner Usando o DBDesigner Barra de Ferramentas e Menus Criando um modelo Inserindo uma entidade no modelo Inserindo uma entidade no modelo (cont.) Criando um relacionamento entre entidades Salvando o modelo criado Atualizando o Banco de Dados Engenharia Reversa Aula 03 - Ferramentas para Modelagem de Dados Descrição das ferramentas Existem diversas ferramentas, comerciais e disponibilizadas no modelo (código aberto),open source disponíveis para auxiliar na modelagem de dados de sistemas. Entre as diferentes ferramentas temos o ERWIN da CA - Computer Associates (http://www.ca.com/us/products/product.aspx?id=260) ou o Microsoft Visio da Microsoft (http://office.microsoft.com/en-us/visio/FX100487861033.aspx). Essas ferramentas possuem recursos que auxiliam na construção dos diagramas e em tarefas relacionadas à atualização das estruturas físicas dos bancos de dados. Entre as funcionalidades geralmente encontradas temos: interface gráfica padrão Windows; permite trabalhar com diferentes tipos de notações (ER, IDEF1X, ER-Chen, etc.); exporta os diagramas gerados em formatos gráficos padrão como GIF, JPEG ou BMP; permite trabalhar no modelo lógico ou físico; permite conexão com diferentes SGBDs como MS SQL Server, Oracle, MySQL, etc.; implementa o recurso de engenharia reversa, onde à partir de um banco de dados existente é gerado de forma automática o diagrama do modelo ER. Aula 03 - Ferramentas para Modelagem de Dados
  2. 2. A Ferramenta DBDesigner O DBDesigner é uma ferramenta disponibilizada pelo grupo fabforce - Fabulous Force Database Tools (http://www.fabforce.net) na forma de código aberto ( ) para os ambientes Windows e Linux. Noopen source modelo , não existem custos para sua utilização, além do código fonte do programa estaropen source disponível (aberto) para qualquer usuário, permitindo que possam ser adicionadas novas funcionalidades ao produto, correções de eventuais defeitos, etc. Figura 4 - Site fabforce.net Aula 03 - Ferramentas para Modelagem de Dados Usando o DBDesigner A versão do DBDesigner que será utilizada nesse curso é a versão 4. Essa versão está disponível para gratuito em http://www.fabforce.net/downloads.php, e, entre as vantagens oferecidasdownload destacam-se: possui versão para MS Windows e Linux; permite a criação do modelo físico do banco de dados à partir do modelo ER (lógico); importa diagramas do CA-Erwin (.ER1); salva os diagramas no formato XML (eXtensible Markup Language - Linguagem de marcação estendida); exporta os diagramas gerados em formatos gráficos padrão como GIF, JPEG ou BMP; permite trabalhar no modelo lógico ou físico; permite conexão com diferentes SGBDs como MS SQL Server, Oracle, MySQL, etc.; possui uma interface para teste de comandos SQL; implementa o recurso de engenharia reversa.
  3. 3. Figura 5 - Tela Principal do DBDesigner Área Descrição Barra de Ferramentas Acesso através de ícones as principais funções e elementos para desenho dos modelos Menu Principal Acesso através de opções de menu pop-up as principais funções e elementos para desenho dos modelos Painel para Design do Modelo Área para construção do Modelo ER Painel para Navegação Rápida Permite a navegação rápida no modelo através de uma visualização completa e reduzida (menor escala) Área de tipos de dados Apresenta os tipos de dados disponíveis para uso na definição física das tabelas do banco de dados Área de objetos do BD Apresenta a listagem com todos os objetos (tabelas e views) do banco de dados que está sendo modelado Linha de Status Apresenta informações gerais sobre o modelo e a conexão com o banco de dados Tabela 3 - Descrição das áreas da tela do DBDesginer Aula 03 - Ferramentas para Modelagem de Dados Barra de Ferramentas e Menus
  4. 4. A barra de ferramentas do DBDesigner possui os seguintes componentes: Componente Descrição Altera entre o modo de design e o modo de criação e execução de comandos (“queries”) Ponteiro para selecionar um objeto no modelo ou item na barra de ferramentas Move um objeto na área de design Altera o tamanho de um objeto Exclui o objeto selecionado Alinha os objetos na área de design Movimenta todos os objetos que compõem o modelo Ferramenta para aumentar ou diminuir a visualização (Zoom) Cria uma região com os objetos selecionados Cria uma nova tabela Cria um relacionamento (1:N) não mandatório Cria um relacionamento (1:1) não mandatório Cria um relacionamento (M:N) Cria uma generalização Cria um relacionamento (1:1) mandatório Cria um relacionamento (1:N) mandatório Insere um bloco de texto Insere uma figura Sincroniza (atualiza) o banco de dados conectado com o modelo Gera scripts dos objetos do modelo para atualização do banco de dados Tabela 4 - Descrição da barra de ferramentas do DBDesigner
  5. 5. Aula 03 - Ferramentas para Modelagem de Dados Criando um modelo Para criar um novo modelo acesse no menu a opção , será criada então uma novaFile New janela com a área de design em branco para a criação do novo modelo. Figura 6 - Menu para a criação de um novo modelo Aula 03 - Ferramentas para Modelagem de Dados Inserindo uma entidade no modelo Para inserir uma entidade (tabela) no modelo criado, na barra de ferramentas clique no botão , o cursor apresentará o formato , aponte então para um local na área de design e clique com o botão esquerdo do mouse. Aparecerá na tela a figura indicando a criação de uma nova entidade. Dê um duplo clique sobre a entidade criada para informar seu nome e atributos.
  6. 6. Figura 7 - Janela para criação de nova tabela Aula 03 - Ferramentas para Modelagem de Dados Inserindo uma entidade no modelo (cont.) Informe o nome da tabela no campo .Para criar os atributos, informe o nomeTable Name no campo e em seguida tecle <Enter> para criar um novo atributo. No finalColumn Name clique no botão para confirmar os dados informados. Para determinar o tipo de dado do atributo clique na área de tipos de dados sobre o tipo desejado e arraste sobre o campo na janela de definição de atributos. ADatatype determinação do tipo de dados faz parte do projeto físico, sendo que cada SGBD (Oracle, MS SQL Server, MySQL, etc.) possui seu conjunto de tipos de dados específico. No projeto lógico, que será apresentado nesse curso, o tipo de dados não precisa ser determinado. Como padrão, o primeiro campo criado será identificado como sendo a chave primária (PK - ) da entidade que é indicada pelo símbolo em frente ao nome do atributo.Primary Key Para alterar essa atribuição, dê um duplo clique sobre o campo para que ele deixe de ser considerado a chave primária, o que é indicado pelo símbolo .
  7. 7. Figura 8 - Definição dos atributos de uma tabela e dos tipos de dados Aula 03 - Ferramentas para Modelagem de Dados Criando um relacionamento entre entidades Para criar um relacionamento entre entidades, primeiro deve ser definido o tipo (mandatório ou opcional) e a cardinalidade do relacionamento (1:1,1:N,M:N) pois existem ícones específicos na barra de ferramentas para cada um deles. Como exemplo, para criar um relacionamento opcional de cardinalidade 1:N entre a entidade Produtos e a entidades Grupos, clique na barra de ferramentas no ícone , o cursor irá assumir o formato , em seguida clique sobre a tabela Grupos que contém a chave primária, e finalmente clique sobre a tabela Produtos para que seja criada a chave estrangeira (FK - ). Note que o atributo correspondente aForeign Key FK será identificado pelo símbolo e após o seu nome a notação (FK).
  8. 8. Figura 9 - Criação de relacionamento entre entidades Aula 03 - Ferramentas para Modelagem de Dados Salvando o modelo criado Para salvar o modelo acesse no menu a opção , se o modelo não tiverFile Save sido salvo antes será solicitado o caminho ( ) e o nome do arquivo.path Como padrão, os modelos criados pelo DBDesigner são salvos no formato XML, porém através da opção Export do menu podem também ser salvos como imagem ou ainda salvos em uma tabela no banco de dados através da opção Save in Database...
  9. 9. Figura 10 - Salvando o modelo criado Aula 03 - Ferramentas para Modelagem de Dados Atualizando o Banco de Dados O DBDesigner permite que alterações efetuadas em um modelo sejam atualizadas em um banco de dados. Para que um banco de dados seja atualizado de forma automática é necessário primeiro que seja estabelecida uma conexão, isso pode ser feito através da opção /Database Connect to existente no menu (figura 10), informando os dados (servidor, usuário,Database senha, etc.) para conexão. A atualização pode ser feita de forma automática através do botão na barra de ferramentas, ou através da geração de um arquivo ( ) com comandos SQL clicando-se no botãoscript .
  10. 10. Figura 11 - Conectando com um Banco de Dados Aula 03 - Ferramentas para Modelagem de Dados Engenharia Reversa Engenharia reversa é o recurso que permite a geração de um modelo a partir de um banco de dados já existente. O DBDesginer, assim como outras ferramentas, oferece esse recurso através da opção /Database Reverse do menu. Assim como na atualização automática, naEngineering engenharia reversa é necessária que seja estabelecida uma conexão com o banco de dados desejado informando os dados (servidor, usuário, senha, etc.) para conexão. Uma vez conectado com o banco de dados, podem ser selecionados os objetos do banco que serão gerados no modelo.
  11. 11. Figura 12 - Seleção de objetos para Engenharia Reversa

×