Se ha denunciado esta presentación.
Se está descargando tu SlideShare. ×

Plano Estadual de Enfrentamento a SR e SRAG, com ênfase na Influenza

Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Cargando en…3
×

Eche un vistazo a continuación

1 de 27 Anuncio

Más Contenido Relacionado

Presentaciones para usted (19)

A los espectadores también les gustó (19)

Anuncio

Similares a Plano Estadual de Enfrentamento a SR e SRAG, com ênfase na Influenza (20)

Más de Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) (20)

Anuncio

Más reciente (20)

Plano Estadual de Enfrentamento a SR e SRAG, com ênfase na Influenza

  1. 1. Plano Estadual de Enfrentamento a SG e SRAG, com ênfase na Influenza Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais
  2. 2. Por que preparar? • No outono e no inverno a incidência de doenças respiratórias aumenta de forma acentuada. • As causas mais comuns são resfriado, gripe ou influenza e pneumonias bacterianas. • Consequências: aumento de demanda na assistência, principalmente em terapia intensiva e aumento de mortalidade devido a doenças respiratórias.
  3. 3. Estratégia Eixos de trabalho VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA ASSISTÊNCIA MOBILIZAÇÃO/ COMUNICAÇÃO SOCIAL
  4. 4. Ações desenvolvidas pela SES MG • Campanha de vacinação • Campanhas para divulgação de formas de prevenção e orientações para tratamento e quimioprofilaxia • Qualificação dos serviços e profissionais de saúde para assistência aos casos suspeitos • Vigilância Epidemiológica para acompanhamento do número de casos e verificação de risco de introdução de novos vírus no Estado • Disponibilização do medicamento oseltamivir para tratamento quando indicado • Criação de Comitê Estadual para o enfrentamento da epidemia
  5. 5. Grupos de risco para complicações • Crianças com idade menor ou igual a 2 anos • Adultos com idade maior ou igual a 60 anos • Gestantes e puérperas até 45 dias após o parto • Pessoas imunossuprimidas ou com doenças crônicas • População indígena
  6. 6. Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) • São notificados apenas os casos de SRAG • Os exames específicos para isolamento do vírus de influenza são coletados nos pacientes com SRAG • São 3 os vírus da influenza circulando este ano: Influenza A H1N1, Influenza A H3N2 e Influenza B
  7. 7. Situação da SG e SRAG em MG Causas de SRAG Número total Óbitos SRAG por Influenza 29 4 SRAG por outros vírus respiratórios 86 2 SRAG por outros agentes etiológicos 23 1 SRAG por causa não identificada 883 58 Total 1021 64 Fonte: SINAN Influenza on-line, 03/06/2013
  8. 8. Situação vacinal (até 03/06/2013) Meta alcançada em Minas Gerais = 97,86% O estado ultrapassou a meta de 80% estabelecida pelo Ministério da Saúde, exceto no grupo de risco GESTANTES A vacina continua disponível nas unidades de saúde para as gestantes e crianças menores de 2 anos de idade.
  9. 9. Epidemia de Influenza • Uma epidemia de Influenza dura em média de 6 a 12 semanas, podendo manter sua atividade até 20 semanas • Taxa de ataque: varia de 5 a 15% (pode atingir 40%) • Grupos de risco para complicações de acordo com a faixa etária: – Todas as pessoas < 2 anos e as > 60 anos – 6,4% para pessoas abaixo > 2 anos a 19 anos – 14% para pessoas 20 anos a 59 anos
  10. 10. Eventos de massa - Necessidade de Vigilância devido ao risco de entrada de novos vírus Copa das Confederações • Junho 2013 Jornada Mundial da Juventude • 15 a 20 de julho em 18 Arquidioceses em 30 municípios mineiros. • De 23 a 28 de julho (2,5 milhões de pessoas no RJ) Municípios que receberão jovens para a JMJ
  11. 11. Organização da Assistência Estima-se que há necessidade de internação de 1 a 4% da população com SG. Do total dos pacientes que necessitam de internação, 15% demandarão terapia intensiva e 7,5%, ventilação mecânica.
  12. 12. Necessidade de internação Situação Número de casos Necessidade de internação Síndrome Gripal (SG) 15% = 3 milhões 2% = 60.000 SRAG em CTI 15% do total de internados 9.000 Ventilação mecânica 50% de SRAG em CTI 4.500 Pneumonia 1,2% = 240.000 60% = 120.000 IVAS De acordo com faixa etária 230.000 Média de permanência internação em enfermaria e CTI sem ventilação mecânica = 5 dias Média de permanência em CTI com ventilação mecânica = 10 dias O crescimento exponencial diário de casos é de 3% em relação ao dia anterior
  13. 13. Necessidade de tratamento antiviral 382.508 tratamentos O tratamento é mais efetivo se iniciado até 48 horas após o início dos sintomas. É importante que as pessoas com fatores de risco para complicação procurem atendimento médico assim que suspeitarem que estão com gripe.
  14. 14. Necessidade de quimioprofilaxia Quimioprofilaxia = 420.000 A quimioprofilaxia ou tratamento preventivo está indicada para as pessoas com fatores de risco e não vacinadas, que tenham tido contato com caso suspeito ou confirmado de influenza nas últimas 48 horas. A divulgação dessa medida para a população é de extrema importância, pois se a pessoa tem fator de risco e não foi vacinada, terá uma segunda chance de prevenir- se contra a doença, evitando suas complicações
  15. 15. Antiviral Oseltamivir Está disponível nas unidades de saúde de todos os municípios do Estado, com distribuição em período integral.
  16. 16. AÇÕES DE COMUNICAÇÃO E MOBILIZAÇÃO SOCIAL
  17. 17. CONCEITO
  18. 18. Mídia publicitária • Rádio: Veiculação de spot no período de 19 a 31 de maio em 344 emissoras de rádio em 156 municípios, incluindo Belo Horizonte. • Sacos de pães: Distribuição em 16 cidades com alta incidência, no período de 05.06 a 04.07. • Alô Saúde: Afixação de 5.000 cartazes e adesivos de banheiro em 71 municípios com alta incidência da doença, no período de 27.05 a 21.06.
  19. 19. Mídia publicitária • Peças Gráficas: 350 mil flyers e 80 mil adesivos de banheiro. • Hotsite: Criação de uma página com informações sobre a doença, sintomas, prevenção e controle. • Mídia Facebook: Os anúncios com segmentação para Mina Gerais. • Plotagem Elevadores: Layout disponível para parceiros.
  20. 20. AÇÃO PARCEIRA
  21. 21. AÇÃO PARCEIRA
  22. 22. AÇÃO PARCEIRA
  23. 23. AÇÃO PARCEIRA
  24. 24. Mobilização Social Atuação em municípios críticos das regiões Sul, Sudeste, Centro e Centro-Sul onde houverem grandes eventos, além do trabalho em escolas. Intervenções em rodoviárias, aeroportos, comércio, indústria, hotelaria, templos religiosos, clubes, grandes eventos etc.
  25. 25. Ações de mobilização em andamento Ações de mobilização em eventos com grande concentração de pessoas (executadas e em execução). Parceiro Evento Municípios Data Volante Sabonete Estandartes Secretaria Estadual de Esporte e Juventude Jogos Estudantis Conselheiro Lafaiete, Itaúna, Santa Bárbara, Mario Campos, Sarzedo, Vespasiano, Itabirito, Itabirito, Pará de Minas, Pompéu, Corinto, Diamantina, Janaúba, Januária, Montes Claros, Ibiaí maio a agosto de 2013 50.000 50.000 88 Regional Uberaba Expo Zebu Uberaba 03/05 a 10/05 11.000 - - Regional Patos de Minas Fenamilho Patos de Minas 23/05 a 02/06 20.000 - - SEAPA SuperAgro e Expocachaça 2013 Belo Horizonte 06 a 09 de junho 10.000 - - Ocemg Cooperativismo e Artes nos Parques de BH Belo Horizonte 08 de junho 3.000 - - Total 94.000 50.000 88

×