Se ha denunciado esta presentación.
Utilizamos tu perfil de LinkedIn y tus datos de actividad para personalizar los anuncios y mostrarte publicidad más relevante. Puedes cambiar tus preferencias de publicidad en cualquier momento.

Conhecendo os florais brasileiros em Medicina Veterinária

204 visualizaciones

Publicado el

Palestra apresentada na SEMEV 2019, na Faculdade de Medicina Veterinária da Faculdade Federal Rural do Rio de Janeiro

Publicado en: Ciencias
  • Sé el primero en comentar

  • Sé el primero en recomendar esto

Conhecendo os florais brasileiros em Medicina Veterinária

  1. 1. CONHECENDO OS FLORAIS BRASILEIROS SEMEV 2019 Maria Leonora Veras de Mello
  2. 2. As essências florais são utilizadas desde tempos remotos. A civilização egípcia surgiu há cerca de 5.500 a.C. e os sacerdotes usavam as essências florais como um sistema de cura. Na Europa, no século XVII, o alquimista Paracelso colhia o orvalho das flores e administrava como medicamento para desequilíbrios emocionais.
  3. 3. Essências florais ◦ Quando falamos de essências florais e suas propriedades, a primeira coisa que nos vem à mente são os florais de Bach. ◦ Edward Bach foi um médico inglês, em 1930, criou o primeiro sistema de florais: ◦ é o sistema mais conhecido ◦ composto por 38 essências florais. ◦ Em 1970, surgiram os florais californianos, desenvolvidos por Patrícia Kaminski e Richard Katz, seguidos pelos florais australianos desenvolvidos por Ian White e os sistema floral do Alaska, por Steve Jhonson.
  4. 4. ◦ Os pesquisadores das essências florais são chamados de sintonizadores. ◦ Os efeitos dos florais foram reconhecidos oficialmente em 1976 pela Organização Mundial da Saúde. Essências florais
  5. 5. Mas o que são as essências florais? ◦ São extratos líquidos naturais e altamente diluídos de plantas, flores e arbustos, que se destinam ao equilíbrio dos problemas emocionais, operando em níveis vibratórios sutis e harmonizando o ser com o meio em que vive. ◦ Quando se harmoniza as emoções, previne-se doenças físicas. ◦ Tudo o que está vivo emite energia, e o uso desta energia para a cura chama-se de terapia vibracional.
  6. 6. Bioeletrografia ou Fotografia Kirlian
  7. 7. EFEITO KIRLIAN: São alterações na aura relativas a déficits energéticos.
  8. 8. Terapia floral em animais?? ◦ Os animais como seres sencientes, possuem emoções, e estas podem se desequilibrar. ◦ Os animais são muito perceptivos e adoecem se suas emoções desequilibradas forem persistentes. ◦ Os animais de companhia podem ser tratados pelas terapias florais, desde que suas emoções sejam captadas pelo terapeuta veterinário.
  9. 9. Estress – Depressão – Pânico – Desespero – Culpa – Cansaço Físico Solidão – Tristeza – Indecisão – Sensibilidade Excessiva – Ciúmes – Raiva Violência – Mágoas – Insegurança – Medo O Que Podemos Tratar Com Florais Nos Animais?
  10. 10. Adicionar Título de Slide – 2
  11. 11. Terapia floral em animais ◦ Podem ser feitos em glicerina (sem álcool) ou se feitos com brandy, diluídos em água ou aplicados no chacra coronário. ◦ Quatro gotas quatro vezes ao dia ◦ Também pode ser aplicado na água de beber, quando o animal é único na casa, ou o problema é uma situação relacionada a todos os animais (adaptação de um novo membro da família, ou de perda, mudanças de ambiente, etc.) ◦ Podem ser usados na limpeza do ambiente (10ml de álcool de cereais + 10 gotas da solução estoque + 100ml de água) ◦ Também podem ser feitos cremes, com base lanete + 10 gotas do floral (dermatite psicogênica, em pregas e calosidades)
  12. 12. Sistemas florais mais conhecidos no Brasil ◦ Florais de Minas ◦ Florais de Gaia ◦ Florais de Saint Germain ◦ Essências da Mata Atlântica ◦ Azas (Teresópolis)
  13. 13. FLORAIS DE MINAS ◦ Começaram a ser pesquisados em 1989 nas proximidades da cidade mineira de Itaúna, MG, por Breno Marques da Silva e Ednamara Batista Vasconcelos e Marques. ◦ Atualmente há 133 essências florais. ◦ Não há limite para o número de essências em cada fórmula (nos florais de Bach, em geral são 6 por fórmula, sendo que um buquê é considerado como um componente)
  14. 14. FLORAIS DE MINAS PARA PETS
  15. 15. FLORAIS DE MINAS E OS CORRESPONDENTES FLORAIS DE BACH 1. FUCHSIA – AGRIMONY: tortura interna “falseada” por aparente bom humor; ansiedade; insônia 2. PASSIFLORA – ASPEN : sonambulismo; enurese noturna; bruxismo; pesadelo; medo vago; temor 3. MIRABILIS – BEECH: crítico; intolerante, mal-humorado; cínico; separativista; exclusivista; racista 4. RUTA – CENTAURY: fraqueza de vontade; subserviência; falta de franqueza; cansaço por servir. 5. EMÍLIA – CERATO: falta de autoconfiança; indecisão em situações corriqueiras; volubilidade 6. PSIDIUM - CHERRY PLUM: pensamentos irracionais; medo de “perder o controle”; nervosismo “no limite” 7. SALVIA - CHESTNUT BUD: dificuldades de compreensão e aprendizado; tendência a repetir erros na vida 8. CHICORIUM – CHICORY: possessivos; ciumentos; dominadores; magoáveis; chantagistas; carentes 9. ROSMARINUM – CLEMATIS: desatentos; sonhadores; irrealistas; distraídos; “lunáticos” 10. MALUS - CRAB APPLE: pensamentos e sentimentos impuros; complexos na adolescência; antibiótico floral 11. BASILICUM – ELM: confusão e desordens mentais; sensação de incapacidade e inadequação 12. SONCHUS – GENTIAN: depressão exógena; pessimismo; desânimo; negativismo; tristeza. 13. ALELUIA – GORSE: falta de esperança na recuperação; desalento; desistência; abatimento. 14. HELIANTHUS – HEATHER: introversão ou extroversão extremas; loquacidade; auto-obcecação. 15. CAMELLI – HOLLY: vingativos; ciumentos; possessivos; agressivos; invejosos; rancorosos. 16. MADRESSILVA – HONEYSUCKLE: melancolia e sentimentalismo saudosista; não aceitação do envelhecimento 17. FOENICULUM – HORNBEAM: cansaço mental; dificuldades de “digerir” e “assimilar” fatos novos. 18. IMPATIENS – IMPATIENS: impaciente; irritado; tenso; nervoso; inquieto; agitado; insônia 19. LAVÂNDULA – LARCH: imaturidade psíquica-biológica; senso de inferioridade; falta de autoconfiança 20. MIMOSA – MIMULUS: medo de coisas corriqueiras; medo do contato; hipocondria; gagueira; timidez.
  16. 16. FLORAIS DE MINAS E OS CORRESPONDENTES FLORAIS DE BACH 21. SINAPSIS – MUSTARD: depressão endógena; angústia; desesperança; melancolia; tristeza 22. AGAVE – OAK: corajosos e fortes, mas se sentem exauridos, escondem o cansaço; esgotamento 23. SEMPERVIVUM – OLIVE: fraqueza, prostração, esgotamento e exaustão da mente e do corpo 24. PINUS – PINE: sentimento de culpa; remorso; arrependimento; tristeza; autopunição 25. TRIMERA - RED CHESTNUT: apreensão e medo exagerado com o bemestar dos entes queridos 26. BIPINATUS - ROCK ROSE: pânico; desespero; descontrole emocional; pesadelo; distúrbios noturnos 27. PHYLLANTHUS - ROCK WATER: sistemático; perfeccionista; metódico; cristalização mental e emocional 28. FICUS – SCLERANTHUS: indecisão; instabilidade; desequilíbrios; oscilação psíquica; distúrbios circadianos 29. TAGETES - STAR OF BETHLEHEM: choque emocional; trauma; susto; notícia grave; perda; paralisia; luto. 30. HELIOTROPIUM - SWEET CHESTNUT: “escuridão da alma”; “nigredo existencial”; angústia; melancolia; tristeza 31. VERVANO – VERVAIN: agressividade; violento; discurso de “justiceiro”; drama emocional da infância 32. THUMBERGIA – VINE: dominadora; autoritária; inflexível; agressora; tirânica; cruel 33. MILLEFOLIUM – WALNUT: supersensibilidade; inadaptabilidade; desproteção; aceitação de mudanças 34. TROPAEOLUM - WATER VIOLET: solitário; ; independente; orgulhoso; autossuficiente; soberbo. 35. MOMORDICA - WHITE CHESTNUT: ruminação de pensamentos e sentimentos; aflição e preocupação excessiva 36. ORIGANUM - WILD OAT: falta de motivação e propósito de vida; tédio; inadequação 37. ROSA CANINA - WILD ROSE: apatia; resignação; anemia psíquica e espiritual; coração “frio” 38. ZINNIA – WILLOW: ressentimento; amargura; rancor; mau humor; transfere as próprias culpas. BUQUE DE 5 FLORES - RESCUE: emergências psíquicas e físicas; ponderação, calma e presteza enquanto se procura orientação médica especializada
  17. 17. ESTUDO DE CASO: ZECA
  18. 18. ZECA – 8 anos Aos 3 anos: • Foi encontrado amarrado a uma árvore. Adotado pela primeira vez: mas os tutores não souberam lidar com seu temperamento e batiam muito nele. Aos 4 anos: • Abandonado novamente. • Adotado definitivamente e está com a mesma tutora até hoje. SINTOMAS: • Muito medo de barulhos, de sair na rua. Ao mesmo tempo muito raivoso, não podia tocá-lo que avançava. Dentro de casa, até aproximar-se poderia induzir a ataques de raiva. • Não pode aproximar-se quando está comendo. Qualquer advertência ele rosna. Se apontar para ele, ele avança. Depois tem crises de tosse e tremores. Já teve infecções no trato urinário, e dermatites. • Também tem horas que faz carinho, mas muito instável. • Estado geral físico ok..
  19. 19. ZECA – 8 anos • Levitate - ansiedade; pensamento obsessivo; medo; carência afetiva • Basilicum - confusão e desordens mentais; • Buquê de 9 flores - descontroles, colapso, histeria, pânico • Aleluia, Arnica Campestre, Artemisia, Bipinatus, Impatiens, Origanum, Rosamarinus, Sambucus e Tagetes. TRATAMENTO - em glicerina - 4 gotas 4x ao dia • Com a medicação floral e homeopática melhorou 80% seu comportamento. HOJE
  20. 20. ESTUDO DE COMPOSTO DO SISTEMA FLORAL DE MINAS PARA ALIVIAR O ESTRESS EM RATTUS NOVERGICUS CRIADOS EM LABORATÓRIO Faculdade de Medicina Veterinária – UNIFESO
  21. 21. Estudo de composto do Sistema floral de Minas para aliviar o estress em Rattus novergicus criados em laboratório ◦ O composto utilizado chama-se Calmin ◦ Indicada para o tratamento de pessoas com tensão nervosa, ansiedade, agitação, irritabilidade, ruminação mental, preocupação excessiva, impulsividade, impaciência, confusão mental e agressividade. ◦ Útil como coadjuvante nos distúrbios psicossomáticos (insônia, dor de cabeça, indigestão de origem nervosa, gastrite, hipertensão arterial de fundo nervoso, dor muscular e prisão de ventre). ◦ Ajuda desenvolver serenidade, calma e paz para a mente. • Basilicum, Ficus, Fuchsia, Impatiens, Lavandula, Mimosa, Momordica, Psidium e Vervano. Composição:
  22. 22. FLORAIS FILHAS DE GAIA ◦ As essências florais Filhas de Gaia foram pesquisadas e desenvolvidas por Maria R. D. Grillo. São feitas com flores nativas brasileiras encontradas em santuários ecológicos ◦ As essências florais são usados para tratar questões do bem- estar emocional, do desenvolvimento da alma e da saúde do corpo-mente. ◦ São preparadas a partir de flores silvestres colhidas no auge da florada da planta, nas primeiras horas da manhã quando ela ainda está cheia de orvalho, em locais na natureza onde as forças elementais se encontram intactas e, por isso mesmo, potentes/poderosas. ◦ Atualmente 116 essências florais e 22 fórmulas compostas
  23. 23. ESTUDO DE CASO: ZECA E SIMON
  24. 24. ESSÊNCIAS FLORAIS FILHAS DE GAIA ◦ COLMEIA: Harmonia e cooperação com o outro e em situações de grupo. Podemos FAZER juntos. ◦ Favorece ao estabelecimento de novos padrões de relacionamento entre os membros de um grupo, baseados em valores como harmonia, cooperação e generosidade. ◦ Favorece ao aprendizado da cooperação, ajudando aos jovem ou adultos a superar atitudes de competição, desconfiança , controle ou autoritarismo em suas interações com o outro ou em grupo. Ajuda a lidar com a aceitação das diferenças, com maior generosidade e compaixão. ◦ Manacá da Serra, Orquídea do Cardoso, Cipó de São João, Girassol, Érica, Alamanda, Roxinha, Quaresmeira Rosa, Capim Estrela
  25. 25. ESSÊNCIAS FLORAIS DE SAINT GERMAIN ◦ De acordo com sua sintonizadora, Neide Margonari, a nossa alma humana, formada pelos quatro corpos inferiores (físico, etérico, mental e emocional), vem se direcionando ao propósito da meta a ser atingida por nossa Alma Divina (Eu Superior). Os florais de Saint Germain auxiliam nesta harmonização. ◦ A linha completa dos Florais de Saint Germain possui 89 essências individuais (SUTIS) ◦ Existem cerca de 17 fórmulas prontas, mas pode-se formular um composto de acordo com o perfil do paciente, sem limite de essências florais por composto.
  26. 26. ESTUDO DE CASO: FIONA
  27. 27. FIONA Chamomille (Saint Germain) Buque da transformação Buque do Aprendizado fazer em glicerina
  28. 28. ESTUDO DE CASO: SENHOR WILL
  29. 29. SENHOR WILL – 8 anos •Histórico de maus tratos antes de ser adotado.Tinha um temperamento hiperativo, destrutivo, desobediente, embora sem agressividade. •Não obedecia a qualquer comando e era impossível manter a ordem em um apartamento. •Não conseguia ficar sozinho, chorando muito •Tinha dificuldade para dormir. COM POUCOS MESES •Leucantha, Perpétua, Pectus, Boa Deusa, Melissa, Unitatum, Gerânio, Embaúba, Bom Dia, AlliumTRATAMENTO
  30. 30. SISTEMA FLORAL AZAS ELIANE GUERRA TÂNIA TRISTÃO
  31. 31. CHAKRAS ◦ A palavra “Chakra” vem do Sânscrito e significa “roda de luz”. ◦ Os Chakras são centros de energia, que representam os diferentes aspectos da natureza sutil do ser humano. ◦ São eles: corpo físico, emocional, mental e energético. ◦ Os sete principais Chakras ficam localizados ao longo da coluna vertebral do corpo humano e, segundo a Tradição Hindu, seguem as cores do arco-íris.
  32. 32. ◦ Cada chacra possui uma cor correspondente. ◦ O Sistema floral Azas, associa a cor das flores aos chacras, e utiliza esta correspondência para achar os florais de cada indivíduo. CHAKRAS
  33. 33. SISTEMA AZAS ◦ “ESTUDO DE ESSÊNCIAS FLORAIS DO SISTEMA AZAS SOBRE OS EFEITOS DO ESTRESS EM ANIMAIS DO CANIL ESCOLA DA FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA DO UNIFESO”
  34. 34. SISTEMA AZAS Fórmula Equilíbrio dos Animais De acordo com as sintonizadoras, a sensação de equilíbrio se traduz em : “sou feliz, agradável e amigo”. Seus componentes: Pitanga; Amor em cascata; Pluma- de-névoa; Maracujá-doce; Calanchoe fantasma
  35. 35. SISTEMA AZAS Pitanga – flores brancas e frutos vermelhos. Relativo principalmente ao chakra cardíaco(4º), mas acessa também o 6º e 7º.Trata o desequilíbrio emocional, impaciência, agressividade, intolerância, rigidez, sociopatia. Amor em cascata - flores brancas com nuances rosa-arroxeadas. Relativa ao 4º chakra. Solidão, aridez emocional, padrão de desamor, perdas afetivas, sensação de não pertencer, mãe, amor incondicional. Pluma-de-névoa – surgem com a cor branca, e passam a um tom creme rosado. Relativo ao chakra coronário.Trata proteção energética, limpeza ambiental, transmutação energético, pânico, depressão profunda. Maracujá-doce – flores vermelhas por dentro com filamentos brancos com base arroxeada. Relativo ao 1º e 7º chakras. Trata agressividade, nervosismo, insônia, agitação, histeria. Calanchoe fantasma – planta de tom verde esbranquiçado, com flores corais (amarelo/vermelho/laranja). Relativo ao 1º, 2º e 3º chakras. Trata falta de confiança em si próprio, timidez, dependência, absorção de energias negativas, desconexão com energia superior, perda energética.
  36. 36. LEITURA RECOMENDADA ◦ PINTO,J. Florais para cães. Ed. Butterfly. São Paulo. 2008. 156 p. ◦ GUERRA,E. TRISTÃO, E. Sistema Azas Florais. Edição Azas Florais. Rio Janeiro.2017.104 p ◦ https://www.nowmaste.com.br/os-diversos-sistemas-florais-do- ◦ https://www.recantodasletras.com.br/artigos-de-saude/2497073 ◦ http://www.floraisbach.com.br/sistema-florais/repertorio-dos-florais- filhas-de-gaia/ ◦ https://www.fsg.com.br/ ◦ http://www.anabeck.com.br/artigos/medicina-vibracional ◦ https://www.personare.com.br/desvendando-o-significado-dos- chakras-2-m2073 ◦ https://www.essenciasflorais.com.br/o-que-sao-os-florais/
  37. 37. MUITO OBRIGADA! /BICHOSONLINE WWW.BICHOSONLINE.VET.BR LEONORAMELLO@BICHOSONLINE.VET.BR

×