Se ha denunciado esta presentación.
Utilizamos tu perfil de LinkedIn y tus datos de actividad para personalizar los anuncios y mostrarte publicidad más relevante. Puedes cambiar tus preferencias de publicidad en cualquier momento.

Metodologias e recursos para integrar tecnologias digitais nas práticas educativas

363 visualizaciones

Publicado el

Metodologias e recursos para integrar tecnologias digitais nas práticas educativas

Publicado en: Educación
  • Sé el primero en comentar

Metodologias e recursos para integrar tecnologias digitais nas práticas educativas

  1. 1. Metodologias e recursos para integrar tecnologias digitais nas práticas educativas 1 Adelina Moura adelina8@gmail.com 26 a 28 de abril 2018 Düsseldorf Encontro de Formação 2018 Coordenação de Ensino Português na Alemanha
  2. 2. Evolução das tecnologias móveis Alan Kay, Dynabook
  3. 3. A primeira chamada móvel foi feita pela Motorola em 1973 Novas Funções e Funcionalidades
  4. 4. 4https://tek.sapo.pt/mobile/artigos/portugueses-usam-cada-vez-mais-internet-no-telefone
  5. 5. Mobile learning: Definição ◂ Aprendizagem móvel é aprender em qualquer momento e em qualquer lugar, independentemente da plataforma ou do dispositivo. ◂ Inclui todas as abordagens e estratégias para melhorar a aprendizagem e o desempenho. 5 Aprendizagem móvel é aprender - em todas as formas e formatos Marc Rosenberg, 2015 https://www.learningsolutionsmag.com/articles/1691/marc-my-words-what-exactly-is-mobile-learning
  6. 6. 6
  7. 7. Publicações sobre Mobile Learning 7
  8. 8. Uso educativo de dispositivos móveis A tecnologia evolui e continua a provocar transformações em várias áreas da nossa vida pessoal, social e profissional. A educação não pode estar alheia ao impacto e às repercussões dessas mudanças. A inovação educacional não se limita a introduzir e aplicar tecnologias na sala de aula, mas induzir uma mudança metodológica que contribua para a melhoria dos processos de ensino e aprendizagem.
  9. 9. Educação Presente e Futura ◂ Implementar pedagogias de aprendizagem participativas, centradas na pessoa; ◂ Aproveitar o potencial de tecnologias de aprendizagem emergentes; ◂ Fomentar modos de pensamento sintéticos e integrados; ◂ Tornar consciente e explícito o papel central dos valores no desenvolvimento humano; ◂ Mudança para abordagens multi e transdisciplinares do conhecimento; ◂ Desenvolver capacidades mentais para pensamento independente, criatividade, empreendedorismo e liderança. 9 http://wunicon.org/rome/ Aprendizagem efetiva numa era de velocidade crescente, complexidade e incerteza A aprendizagem mais como uma experiência liderada por quem adquire o conhecimento do que por quem já o possui.
  10. 10. A Nova Educação César Bona ◂ O papel da escola é convidar os alunos a pensar; ◂ A sociedade que queremos está nas escolas que temos; ◂ A sala de aula deve ser um espaço de imaginação; ◂ As crianças devem ficar com fome para continuar a aprender; ◂ A tecnologia não pode ficar fora da escola. 10 O aluno sente-se protagonista da sua aprendizagem enquanto o professor comanda a orquestra de forma invisível.
  11. 11. O professor do século XXI tem de ensinar o que não sabe 11 Para que o professor possa ser a sua melhor versão como educador
  12. 12. 12 Situação atual Professor do século XXI Saber como se preparar para o século XXI; Conhecer estratégias para captar a atenção dos alunos; Saber como desfrutar ao máximo da profissão. Expandir o valor como educador https://cursos.escueladeexperiencias.com/ “Tendemos a educar como fomos educados” Experimentar para aprender e não aprender para experimentar.
  13. 13. 13 César Bona encoraja os professores a contagiar os seus alunos com a alegria como antídoto ao insucesso escolar. Fazer com que as crianças e os adolescentes queiram ir à escola. Nós professores devemos acreditar que somos agentes de mudança
  14. 14. Superpoderes! 14 Todos somos imigrantes digitais permanentes, porque é preciso estar sempre a aprender. Pontos críticos - carências Segurança (senhas) Reputação (pegada digital) Seleção de conteúdos (literacia informacional) Legalidade (direitos e deveres) Javier Pedreira «Wicho
  15. 15. Metodologias emergentes A tecnologia não como um problema, mas como uma oportunidade 15 Dos conteúdos às competências
  16. 16. Byod! Bring Your Own Device Traz o teu dispositivo móvel 16 Obriga o aluno a ter responsabilidade no uso adequado do dispositivo Responsabilidade da escola > Mobiliário dos espaços; > Organização em sala de aula; > Normas para uso aceitável dos dispositivos e ambientes online; > Ligação à Internet rápida e estável; > Formação de professores sobre o uso das TIC na sala de aula. O ambiente ideal está muito longe da realidade atual
  17. 17. Websites Responsivos 17 ◂ Os dispositivos móveis superam os computadores em termos de usabilidade; ◂ Pela primeira vez na história, o uso de dispositivos móveis ultrapassou o dos computadores fixos, demonstrando a rápida mudança da tecnologia; ◂ Os smartphones tornaram- se o computador mais importante de muitas pessoas.
  18. 18. 18 Aprender em qualquer lugar e qualquer hora Aprendizagem ubíqua À medida que os alunos estão mais dispostos a aprender por meio de uma ferramenta que eles entendem, as formas tradicionais de ensino vão mudando. Espontânea, contingente, caótica e fragmentária
  19. 19. 19 Há melhores formas de ensinar. Muito do ensino português está virado para filtrar e o ensino devia ser exatamente o oposto: como é que nós olhamos para os estudantes e fazemos deles o melhor que eles conseguem ser? António Câmara (YDreams Global) MakerSpace AECA Proporcionando uma cultura MAKER na aula
  20. 20. Metodologias como a Aprendizagem Invertida ….  envolve uma transformação do tempo e do espaço na sala de aula;  permite adaptar o ritmo de aprendizagem às necessidades dos alunos;  permite que os alunos melhorem a sua competência digital.
  21. 21. 21 Outra maneira de ensinar e aprender
  22. 22. “ 22
  23. 23. 23 https://sites.google.com/view/magosabedoria
  24. 24. 24 Problem-based learning (PBL) Método de ensino centrado na aprendizagem, investigação e reflexão pelos alunos face a um problema.
  25. 25. 25https://www.appsforgood.org/
  26. 26. Aprendizagem Baseada em Projetos (ABP) 26 Para o trabalho multidisciplinar, partindo das preocupações dos alunos O que queremos que o aluno aprenda no nosso projeto (PBL)? Como vamos conseguir isso? Como vamos trabalhar? Como vamos avaliá-lo? Passo 1 Passo 2 Passo 3 Passo 4
  27. 27. 27 http://www.justicaparatodos.net/ Promoção dos valores democráticos
  28. 28. Razões para criar um ESCAPE ROOM educativo 28 Fomenta a atividade • Permite incluir qualquer conteúdo curricular Promove a colaboração e o trabalho de equipa • Desenvolve a capacidade de resolver problemas Ajuda a construir o pensamento dedutivo Os participantes aprendem a trabalhar sob pressão Os alunos são os líderes da aprendizagem Apresenta desafios que aumentam a perseverança Melhora a competência verbal É divertido para todos Pensamento crítico Criatividade Coordenação Negociação Inteligência emocional Resolução de problemas Tomada de decisões Flexibilidade cognitiva
  29. 29. 29https://www.podomatic.com/podcasts/tabletesca Ler os Clássicos também é divertido, através da nossa Radio Virtual. Ouça os nossos Podcasts!
  30. 30. Educação Global A escola global! Trabalhar em projetos de conexão global dentro e fora da sala de aula! 30https://www.etwinning.net/pt/pub/index.htm
  31. 31. 31 Transformar a educação com conteúdos digitais
  32. 32. 32 O grande desafio do professor não deve ser defender uma metodologia única a todo custo, mas ter a visão de adaptar a metodologia ao perfil dos alunos (idade, nível curricular, contexto socioeconómico ...) e da escola. Não há uma receita única
  33. 33. Uma boa prática deve ser transferível para outras situações ou contextos. Para uma „pedagogia móvel‟ Para uma “pedagogia móvel”‟
  34. 34. 34 Obrigada! A tecnologia fez-me uma profissional melhor A minha pegada digital ◂ linade@gmail.com ◂ #geramovel ◂ http://adelinamariamoura.wixsite.com/ amouracv

×