Se ha denunciado esta presentación.
DivaldoDivaldo
PereiraPereira
FrancoFranco
Peru, Equador e Colômbi
25 junho a 02 julho 2013
Na terça-feira, 25 de junho do 2013, o Ilustre Orador Divaldo Pereira Franco chegou à Lima,
Peru, para participar da comem...
Na quarta-feira, 26, às 19h00min a Comunidade Espírita do Peru esteve presente no Centro
Cultural Ricardo Palma para ouvir...
Na quinta-feira, 27, Divaldo, acompanhado pelo Presidente da Confederação Espírita
Colombiana Jorge Berrío e a escritora e...
Na sexta-feira, 28, Divaldo chegou à Bogotá nas primeiras horas da tarde para realizar uma
série de conferências na Colômb...
Na sequência do evento, o
idealizador do Movimento Você e
a Paz apresentou elucidativas e
profundas reflexões sobre o
mome...
O exímio orador comoveu os presentes com suas profundas e sábias reflexões. O confrade
Milton Fabián Delgado, Presidente d...
No dia seguinte, 29 de junho, os labores prosseguiram em Cartagena das Índias, onde,
também, o Centro Espírita “Joanna de ...
Destacou que nele – o Centro Espírita - é onde encontramos os conhecimentos da Codificação
necessários para nos libertar d...
Nele não deve haver diferenças e deve-se atender a cada um segundo as suas necessidades.
Para concluir, narrou uma bela hi...
Nos dias 30 de junho e 1º de julho, às 9h00min, com o Salão do Centro Espírita “Joanna de
Ângelis” totalmente lotado, real...
Na tarde do dia 30, às 18h00min, as atividades foram iniciadas com a apresentação de um
Coral que interpretou canções vari...
Posteriormente, o Prefeito da cidade
de Cartagena das Índias, Carlos Otero,
distinguiu Divaldo com a honraria de
Visitante...
Em seguimento, Divaldo iniciou a
conferência “A Família: Encontro de
Almas que se necessitam”,
esclarecendo que a palavra ...
Narrou, posteriormente, experiências pessoais a respeito de sua família, destacando que
não são os recursos materiais de q...
No dia 1º de julho, na segunda parte das atividades, Divaldo realizou a conferência de
encerramento “Nas Fronteiras da Lou...
Desta maneira, o Semeador de Estrelas, Divaldo Pereira Franco, culminou o seu périplo pelas
terras do Peru, Equador e Colô...
Divaldo Franco - Peru, Equador e Colômbia
Próxima SlideShare
Cargando en…5
×

Divaldo Franco - Peru, Equador e Colômbia

298 visualizaciones

Publicado el

Divaldo Franco acaba de empreender nova jornada doutrinária, Peru, Equador e Colômbia, estendendo-se posteriormente aos Estados Unidos da América. Apresentamos-lhe mais uma súmula de seus dedicados labores, através de uma série de conferências onde novamente projetou suas apreciadas e sábias reflexões, que orientam, aprimoram e educam o ser humano, na sublime aspiração de um mundo melhor.

Publicado en: Meditación
  • Sé el primero en comentar

  • Sé el primero en recomendar esto

Divaldo Franco - Peru, Equador e Colômbia

  1. 1. DivaldoDivaldo PereiraPereira FrancoFranco Peru, Equador e Colômbi 25 junho a 02 julho 2013
  2. 2. Na terça-feira, 25 de junho do 2013, o Ilustre Orador Divaldo Pereira Franco chegou à Lima, Peru, para participar da comemoração do 8° Aniversário do Centro Espírita “Joanna de Ângelis”. No mesmo dia visitou a Instituição, onde reunido com os trabalhadores da Casa em torno do Livro O Evangelho Segundo o Espiritismo, deu-se leitura da passagem “A quem muito foi dado, muito será pedido”, itens 13, 14 e 15, do Cap. XXVIII “Muitos os chamados e poucos os escolhidos”.
  3. 3. Na quarta-feira, 26, às 19h00min a Comunidade Espírita do Peru esteve presente no Centro Cultural Ricardo Palma para ouvir o Mensageiro da Paz Divaldo Franco expor em sua conferência “Psicologia da Gratidão”, um convite à reflexão sobre este sentimento, destacando a importância de dar e de expressar os bons sentimentos sem esperar retribuição, desprendimento que redundará na construção de cada pessoa como um Homem do Bem. Assim, também, Isabel Loo agradeceu comovida ao público presente e em especial a Divaldo por seu incansável apoio e orientações.
  4. 4. Na quinta-feira, 27, Divaldo, acompanhado pelo Presidente da Confederação Espírita Colombiana Jorge Berrío e a escritora e conferencista espírita Simoni Privatto, viajaram à Quito/Equador para prosseguir com os labores doutrinários. As atividades foram realizadas no Hotel Akros e foram organizadas pela Fundação Espírita Luz Fraterna. Abordando o tema “Vida depois da Vida”, Divaldo falou, com o seu entusiasmo e grande amor pela Doutrina, sobre os princípios fundamentais do Espiritismo e das suas experiências no campo da mediunidade antes e depois de conhecer a Doutrina Espírita. Participaram aproximadamente 200 pessoas.
  5. 5. Na sexta-feira, 28, Divaldo chegou à Bogotá nas primeiras horas da tarde para realizar uma série de conferências na Colômbia. Às 18h00min, em Comemoração ao 25° Aniversário da Associação Espírita Terceira Revelação, realizou-se no Salão Auditório da Câmara do Comércio de Bogotá o “Movimento Você e a Paz”. O ato comemorativo iniciou-se com a participação da Orquestra Filarmônica Batuta, interpretando repertório nacional e internacional. Participaram do evento mais de 500 pessoas, inúmeras outras não puderam ingressar por medida de segurança.
  6. 6. Na sequência do evento, o idealizador do Movimento Você e a Paz apresentou elucidativas e profundas reflexões sobre o momento grave que a humanidade atravessa, exortando todos à construção da paz, único meio para encontrar a felicidade. Também destacou a importância da educação no lar onde deveriam se formar os hábitos da boa cidadania nos membros do clã familiar, a célula básica da sociedade.
  7. 7. O exímio orador comoveu os presentes com suas profundas e sábias reflexões. O confrade Milton Fabián Delgado, Presidente da Instituição, convidou-lhe para o ano seguinte, expressando-lhe sua imensa gratidão, reconhecendo que a Colômbia e a Humanidade necessitam de paz. Divaldo atendeu gentilmente a todos aqueles que se lhe acercaram, saudando-o e solicitando-lhe autógrafos em seus livros.
  8. 8. No dia seguinte, 29 de junho, os labores prosseguiram em Cartagena das Índias, onde, também, o Centro Espírita “Joanna de Ângelis”, presidido por Jorge Berrío, está de aniversário. As atividades comemorativas ao 19° Aniversário iniciaram-se nesse dia 29 com diversas atividades. Divaldo, às 18h00min, realizou uma conferência sob o título “O Centro Espírita: Responsabilidades e Compromissos”. O orador destacou o brilhante trabalho do Codificador da Doutrina Espírita, Allan Kardec, para legar as bases das atividades do Movimento Espírita, cujo alicerce fundamental é o Centro Espírita.
  9. 9. Destacou que nele – o Centro Espírita - é onde encontramos os conhecimentos da Codificação necessários para nos libertar da ignorância, a origem dos nossos maiores sofrimentos. Ademais, é ali onde despertamos os sentimentos da solidariedade, pois ninguém pode ser feliz quando o outro sofre. Esclareceu também, que o Centro Espírita é um hospital onde são atendidos sofredores de ambos os planos da vida, e que suas atividades são de altíssima responsabilidade.
  10. 10. Nele não deve haver diferenças e deve-se atender a cada um segundo as suas necessidades. Para concluir, narrou uma bela história quando Pedro encontrava-se na Casa do Caminho e foi visitado por uma meretriz em estado de desesperação. Pedro, em sua dúvida para atendê-la, orou a Jesus solicitando orientação, e o Mestre Nazareno aparecendo-lhe disse-lhe que enquanto ele orasse, Ele iria atender a sua irmã necessitada de socorro. Pedro finalmente compreendeu o alcance do amor que Jesus nos convida a viver. Ao concluir sua alocução, o público emocionado e sensibilizado aplaudiu Divaldo de pé, demoradamente.
  11. 11. Nos dias 30 de junho e 1º de julho, às 9h00min, com o Salão do Centro Espírita “Joanna de Ângelis” totalmente lotado, realizou-se uma entrevista onde Divaldo abordou diversos temas de alto interesse doutrinário e da atualidade: A evolução do ser humano em os diferentes reinos da natureza; a reencarnação de Espíritos de outras constelações na Terra; o porquê das tribos urbanas; como educar as emoções; as emoções destrutivas tais como a raiva e o ressentimento; a educação sexual; orientações aos jovens; diferença entre possessão e obsessão; a influência do ambiente e a moral do médium; entre outros temas. Todos eles foram respondidos de forma magistral, penetrando na mente e nos corações dos presentes.
  12. 12. Na tarde do dia 30, às 18h00min, as atividades foram iniciadas com a apresentação de um Coral que interpretou canções variadas com notável expressão e beleza.
  13. 13. Posteriormente, o Prefeito da cidade de Cartagena das Índias, Carlos Otero, distinguiu Divaldo com a honraria de Visitante Ilustre da cidade.
  14. 14. Em seguimento, Divaldo iniciou a conferência “A Família: Encontro de Almas que se necessitam”, esclarecendo que a palavra família deriva do latim famulus, que significa servidores. Abordou, desde o ponto de vista da sociologia, a importância da família, explicando que é no Direito Romano onde se estabeleceu o culto pelos antepassados, mas que com o Cristianismo alcançou conotações de maior relevância. Porém, é com o Espiritismo que compreendemos o verdadeiro significado da família para o espírito imortal, e a diferença entre a família corporal e espiritual.
  15. 15. Narrou, posteriormente, experiências pessoais a respeito de sua família, destacando que não são os recursos materiais de que se dispõe, mas a prática do amor, da compressão e da solidariedade dentre seus membros para que reine a harmonia no lar, comovendo, desta maneira, o público até as lágrimas.
  16. 16. No dia 1º de julho, na segunda parte das atividades, Divaldo realizou a conferência de encerramento “Nas Fronteiras da Loucura”, baseada no livro de mesmo nome. Cabe destacar que todos os auditórios encontraram-se totalmente lotados, demostrando a necessidade de consolo e esclarecimento, assim como o despertar da humanidade ante a realidade espiritual. É a Doutrina Espírita, que reunindo as condições do Consolador Prometido por Jesus, que pode satisfazer ditas necessidades, reconhecendo, ao mesmo tempo, a Divaldo, como um dos seus maiores expoentes, que com a sua sabedoria e exemplar conduta espírita conduz as almas ao porto seguro da paz e da felicidade.
  17. 17. Desta maneira, o Semeador de Estrelas, Divaldo Pereira Franco, culminou o seu périplo pelas terras do Peru, Equador e Colômbia, levando a mensagem liberadora do Evangelho à luz do Espiritismo, fortalecendo os ânimos para prosseguir na nobre tarefa de semear e viver o Cristianismo. Na quarta-feira, 03 de julho, Divaldo, acompanhado pelos irmãos colombianos, viajou para Leominster, Massachusetts, Estados Unidos da América, continuando sua brilhante labuta doutrinária.

×