Se ha denunciado esta presentación.
Utilizamos tu perfil de LinkedIn y tus datos de actividad para personalizar los anuncios y mostrarte publicidad más relevante. Puedes cambiar tus preferencias de publicidad en cualquier momento.
1
 consiste em dar a cada um aquilo que é
seu ou o que lhe é devido.
 Para o Espiritismo, a justiça é uma lei da
Natureza ...
 “Na incerteza de como deverá proceder com
os seus semelhantes, em dada
circunstância, trate o homem de saber como
querer...
 A mediunidade é, segundo o Espiritismo,
a capacidade que toda a pessoa possui
de se comunicar com os Espíritos.
 um méd...
 é dever dos médiuns utilizar as suas
faculdades mediúnicas para o bem dos
outros, encarnados ou desencarnados
5
 Os aplicadores da Lei, como seres humanos
que são, e sendo por isso dotados de
intuição, estão também sujeitos às
influe...
 As leis nem sempre se confundem com a
justiça.
 com muita frequência surge a necessidades de
proceder à interpretação d...
 Nestes termos, valores
claros como o da
Justiça, do Amor e da
Caridade são preciosas
orientações no que
respeita à melho...
9
A aplicação de uma pena de prisão, por muito que custe, pode ser a
melhor forma de fazer com que alguém mude de rumo na ...
 deparar-se com uma
casa assombrada, já
foi considerado
fundamento válido
para o inquilino
rescindir o contrato
10
 Flammarion, no livro “
As casas mal
assombradas”, informa
que "o Sr. Maxvlell,
advogado em Bordéus,
encontrou, nos arqui...
 Psicografia é a
transmissão do
pensamento dos
Espíritos por meio da
escrita pela mão do
médium. No médium
escrevente a m...
 Há três tipos de
psicografia:
 Semimecânica,
 Intuitiva,
 Mecânica
13
 É a questão mais
polémica das relações
entre a mediunidade e
a justiça
14
 Em 1979, numa
brincadeira entre dois
amigos com uma arma
de fogo, um deles
Maurício Garcez
Henrique, de 15 anos
de idade...
 um jovem deputado
Heitor de Alencar
Furtado foi morto
dentro do carro onde
se encontrava a
descansar, por um
tiro dispar...
 a viúva e os três filhos
entraram com uma acção
na justiça contra Chico
Xavier e a Federação
Espírita Brasileira, pedind...
 por causa da polémica gerada neste
processo judicial, os textos psicografados
por Chico Xavier atribuídos ao espírito do...
 “a personalidade adquire-se no momento do
nascimento completo e com vida” e “cessa
com a morte” (Art.ºs 66º, n.º 1 e 68º...
 uma testemunha tem
necessariamente de
ser uma pessoa, bem
como um
documento, tendo
em conta a sua
definição legal,
obrig...
 “Prova documental é a que resulta de
documento; diz-se documento qualquer
objecto elaborado pelo homem com o fim de
repr...
 “As provas têm por função a demonstração
da realidade dos factos.”
(art.º 341 do Código Civil e 411º do Código de Proces...
 o tribunal deve tomar em consideração
todas as provas produzidas, que, no
entanto, ficam necessariamente sujeitas ao
con...
 quem é o autor da mensagem. O espírito ou
o médium?
 A razão de ciência e a credibilidade do
testemunho
 Dúvidas quant...
25
não são instrumentos 100 % fiáveis
 “Na fundamentação da sentença, o juiz
declara quais os factos que julga provados e
quais os que julga não provados, anal...
 este seria uma espécie de depoimento
testemunhal por escrito, e tendo em conta
os princípios da oralidade e da imediação...
 A CLARIVIDÊNCIA  “propriedade
inerente à alma e que
confere a certas
pessoas a faculdade
de verem sem
necessidade dos
ó...
 J. Rhodes Buchanan  realizou uma série de
experiências sobre
os efeitos do fluido
magnético em
pacientes
sonâmbulos que...
 psicometria designa a faculdade de ler
impressões e recordações ao contacto com
objectos comuns.
 o pensamento espalha ...
 “a psicometria é a faculdade de perceber o lado
oculto do ambiente e de ler impressões e
lembranças ao contacto de objec...
"Enigmas da
Psicometria“
 praticamente tudo
pode ser
psicometrizado no
universo, desde os
seres orgânicos
(homens, animai...
 “… Desencarnado o amigo a que
aludimos, afeições que ele possua na
esfera extrafísica interessam-se em
ajudá-lo … Os enc...
 Manifesta-se pela
manipulação de uma
vareta de metal, de um
pêndulo ou de uma
forquilha de madeira
com a finalidade de s...
 Há notícia de que o
Abade Mermet, um dos
maiores radiestesistas
de todos os tempos,
em 1934, conseguiu,
mediante
procedi...
 Alguns psicómetras têm prestado os seus
serviços à polícia, destacando-se, entre
eles, Peter Hurkos (E.U.A.), Lanfranco
...
 Quando o criminoso não deixa impressões
digitais, ou outros sinais informativos,
mesmo os que podem ser identificados pe...
 Noreen, pegou o cinto e o
relógio que a vítima usava
quando morreu e fechou os
olhos. De repente, começou
a convulsionar...
 Chamado pela família de
um menino desaparecido,
Tommy, Jordan rascunhou
um mapa intuitivamente,
prevendo a sua possível
...
 no caso da menina
inglesa Madeleine
McCann, que
desapareceu em uma
praia portuguesa em
2007, surgiram mais de
1 000 info...
 um advogado tinha desaparecido em Dezembro
de 1993 num dia em que tinha saído cedo de
casa para ir ao banco. Passava o t...
 Camilo apercebeu-se de uma obra
construída num canto do terreno e que
estava pavimentada com uma camada
grossa de ciment...
 Após destruir todo o pavimento e de
revolver alguma da terra existente por
debaixo dele foi finalmente encontrado o
cadá...
 Valter da Rosa Borges, “Manual de
Parapsicologia”
 Laércio Pacheco Chaves, “Jurisprudência
mediúnica”
 Erica valentina...
Próximo SlideShare
Cargando en…5
×

de

Mediunidade e Justiça Slide 1 Mediunidade e Justiça Slide 2 Mediunidade e Justiça Slide 3 Mediunidade e Justiça Slide 4 Mediunidade e Justiça Slide 5 Mediunidade e Justiça Slide 6 Mediunidade e Justiça Slide 7 Mediunidade e Justiça Slide 8 Mediunidade e Justiça Slide 9 Mediunidade e Justiça Slide 10 Mediunidade e Justiça Slide 11 Mediunidade e Justiça Slide 12 Mediunidade e Justiça Slide 13 Mediunidade e Justiça Slide 14 Mediunidade e Justiça Slide 15 Mediunidade e Justiça Slide 16 Mediunidade e Justiça Slide 17 Mediunidade e Justiça Slide 18 Mediunidade e Justiça Slide 19 Mediunidade e Justiça Slide 20 Mediunidade e Justiça Slide 21 Mediunidade e Justiça Slide 22 Mediunidade e Justiça Slide 23 Mediunidade e Justiça Slide 24 Mediunidade e Justiça Slide 25 Mediunidade e Justiça Slide 26 Mediunidade e Justiça Slide 27 Mediunidade e Justiça Slide 28 Mediunidade e Justiça Slide 29 Mediunidade e Justiça Slide 30 Mediunidade e Justiça Slide 31 Mediunidade e Justiça Slide 32 Mediunidade e Justiça Slide 33 Mediunidade e Justiça Slide 34 Mediunidade e Justiça Slide 35 Mediunidade e Justiça Slide 36 Mediunidade e Justiça Slide 37 Mediunidade e Justiça Slide 38 Mediunidade e Justiça Slide 39 Mediunidade e Justiça Slide 40 Mediunidade e Justiça Slide 41 Mediunidade e Justiça Slide 42 Mediunidade e Justiça Slide 43 Mediunidade e Justiça Slide 44
Próximo SlideShare
What to Upload to SlideShare
Siguiente
Descargar para leer sin conexión y ver en pantalla completa.

1 recomendación

Compartir

Descargar para leer sin conexión

Mediunidade e Justiça

Descargar para leer sin conexión

Mediunidade e Justiça

Libros relacionados

Gratis con una prueba de 30 días de Scribd

Ver todo

Mediunidade e Justiça

  1. 1. 1
  2. 2.  consiste em dar a cada um aquilo que é seu ou o que lhe é devido.  Para o Espiritismo, a justiça é uma lei da Natureza que se encontra associada ao Amor e à caridade e que consiste em cada um respeitar os direitos dos demais 2
  3. 3.  “Na incerteza de como deverá proceder com os seus semelhantes, em dada circunstância, trate o homem de saber como quereria que com ele procedessem, em circunstância idêntica. Guia mais seguro do que a própria consciência não lhe podia Deus haver dado.” (cf. LE perguntas 874 e ss.). 3
  4. 4.  A mediunidade é, segundo o Espiritismo, a capacidade que toda a pessoa possui de se comunicar com os Espíritos.  um médium é uma pessoa que tem a faculdade da mediunidade. 4
  5. 5.  é dever dos médiuns utilizar as suas faculdades mediúnicas para o bem dos outros, encarnados ou desencarnados 5
  6. 6.  Os aplicadores da Lei, como seres humanos que são, e sendo por isso dotados de intuição, estão também sujeitos às influencias dos espíritos que os rodeiam e que, de algum modo, poderão querer influencia-los nas decisões que vierem a tomar. 6
  7. 7.  As leis nem sempre se confundem com a justiça.  com muita frequência surge a necessidades de proceder à interpretação das Leis tendo em vista a sua adequação à Justiça 7
  8. 8.  Nestes termos, valores claros como o da Justiça, do Amor e da Caridade são preciosas orientações no que respeita à melhor forma de agir.  Estudar o modo como a própria Justiça Divina actua também pode ser um auxiliar de trabalho precioso. 8
  9. 9. 9 A aplicação de uma pena de prisão, por muito que custe, pode ser a melhor forma de fazer com que alguém mude de rumo na sua vida e deixe de praticar crimes
  10. 10.  deparar-se com uma casa assombrada, já foi considerado fundamento válido para o inquilino rescindir o contrato 10
  11. 11.  Flammarion, no livro “ As casas mal assombradas”, informa que "o Sr. Maxvlell, advogado em Bordéus, encontrou, nos arquivos da Corte de Apelação dessa cidade, diversos julgados do século XVIII, relativos à rescisão de contratos de arrendamento por motivo de assombração".  "Grimaldi Ginesio, na Istoria delle leggi e magistrati del regno di Napoli (vol.IX, pag.4) escreve o seguinte: "Sucedendo que, na casa alugada, o locatário, levado pelo terror e o pânico, se julgue assaltado por espíritos malignos, chamados em Nápoles de Monacelli, permite-se-lhe a mudança isento de qualquer indemnização.” 11
  12. 12.  Psicografia é a transmissão do pensamento dos Espíritos por meio da escrita pela mão do médium. No médium escrevente a mão é o instrumento, porém a sua alma ou espírito nele encarnado é intermediário ou intérprete do espírito estranho que se comunica. 12
  13. 13.  Há três tipos de psicografia:  Semimecânica,  Intuitiva,  Mecânica 13
  14. 14.  É a questão mais polémica das relações entre a mediunidade e a justiça 14
  15. 15.  Em 1979, numa brincadeira entre dois amigos com uma arma de fogo, um deles Maurício Garcez Henrique, de 15 anos de idade, foi atingido e acabou por falecer.  Em carta psicografada, a vítima relatou o facto, com vários pormenores, e isentou de culpa o acusado, dizendo ter-se tratado de uma brincadeira com o revólver e que o disparo da arma tinha sido acidental 15
  16. 16.  um jovem deputado Heitor de Alencar Furtado foi morto dentro do carro onde se encontrava a descansar, por um tiro disparado contra si por um soldado da Polícia Militar, Aparecido Andrade Branco, conhecido por o"Branquinho".  A carta do Além,, teve uma influencia decisiva no julgamento e, por cinco votos contra dois, "Branquinho" foi considerado culpado apenas por homicídio simples. 16
  17. 17.  a viúva e os três filhos entraram com uma acção na justiça contra Chico Xavier e a Federação Espírita Brasileira, pedindo que se declarasse se esses livros eram ou não obras realmente ditadas pelo “espírito de Humberto de Campos” e, em caso afirmativo, que lhes fosse atribuída a titularidade dos direitos autorais dessas obras 17
  18. 18.  por causa da polémica gerada neste processo judicial, os textos psicografados por Chico Xavier atribuídos ao espírito do escritor Humberto de Campos, voltam a ser editados, em 1945, mas agora assinados com o pseudónimo de Irmão X. 18
  19. 19.  “a personalidade adquire-se no momento do nascimento completo e com vida” e “cessa com a morte” (Art.ºs 66º, n.º 1 e 68º, n.º 1 do Código Civil).  apenas quem tem personalidade jurídica pode ser sujeito de direitos e de obrigações (Art.º 67º do Código Civil).  para a Doutrina Espírita a personalidade de um espírito é eterna. 19
  20. 20.  uma testemunha tem necessariamente de ser uma pessoa, bem como um documento, tendo em conta a sua definição legal, obrigatoriamente tem de ser produzido por uma pessoa 20
  21. 21.  “Prova documental é a que resulta de documento; diz-se documento qualquer objecto elaborado pelo homem com o fim de reproduzir ou representar uma pessoa, coisa ou facto.” (Art.º 363º, n.ºs 1 e 2 do Código Civil). 21
  22. 22.  “As provas têm por função a demonstração da realidade dos factos.” (art.º 341 do Código Civil e 411º do Código de Processo Civil  são admissíveis apenas as provas que sejam necessárias ao apuramento da verdade e à justa composição do litígio.  produção da prova está também sujeita aos princípios da oralidade e da imediação, 22
  23. 23.  o tribunal deve tomar em consideração todas as provas produzidas, que, no entanto, ficam necessariamente sujeitas ao contraditório da outra parte e ao princípio da livre apreciação das provas por parte do juiz (Art.ºs 413º, 414º e 607º, n.º 5 do CPC). 23
  24. 24.  quem é o autor da mensagem. O espírito ou o médium?  A razão de ciência e a credibilidade do testemunho  Dúvidas quanto à identidade do espírito 24
  25. 25. 25 não são instrumentos 100 % fiáveis
  26. 26.  “Na fundamentação da sentença, o juiz declara quais os factos que julga provados e quais os que julga não provados, analisando criticamente as provas, indicando as ilações tiradas dos factos instrumentais e especificando os demais fundamentos que foram decisivos para a sua convicção” (Art.º 607º, n.º 4 do CPC) 26
  27. 27.  este seria uma espécie de depoimento testemunhal por escrito, e tendo em conta os princípios da oralidade e da imediação, encontra-se vedada a sua utilização como meio de prova.  um espírito nunca pode ser considerado uma testemunha, já que, por estar morto, não tem personalidade jurídica. 27
  28. 28.  A CLARIVIDÊNCIA  “propriedade inerente à alma e que confere a certas pessoas a faculdade de verem sem necessidade dos órgãos visuais” (Vocabulário espírita no final do LM). 28
  29. 29.  J. Rhodes Buchanan  realizou uma série de experiências sobre os efeitos do fluido magnético em pacientes sonâmbulos que conseguiam descrever cenas ocorridas na presença de objectos que lhes eram apresentados 29
  30. 30.  psicometria designa a faculdade de ler impressões e recordações ao contacto com objectos comuns.  o pensamento espalha emanações de si próprio deixando vestígios espirituais nos locais e nos objectos à semelhança do animal que deixa o seu odor nos sítios por onde passou.  Por isso, as marcas da individualidade e dos pensamentos de cada ser humano vibram no ambiente que o rodeia e podem ser apreendidas pelas demais pessoas. 30
  31. 31.  “a psicometria é a faculdade de perceber o lado oculto do ambiente e de ler impressões e lembranças ao contacto de objectos e documentos”.  a psicometria pode ser usada em casos de desaparecimento de uma pessoa que não deixou pistas já que por intermédio de um objecto pertencente à vítima, o médium conseguirá captar a personalidade e fisionomia do proprietário e reporta-se ao seu desaparecimento, podendo, até mesmo, descobrir o seu desencarne e o local onde o seu corpo se encontra. 31
  32. 32. "Enigmas da Psicometria“  praticamente tudo pode ser psicometrizado no universo, desde os seres orgânicos (homens, animais e plantas) aos seres inorgânicos (qualquer objecto de qualquer material, minerais). 32
  33. 33.  “… Desencarnado o amigo a que aludimos, afeições que ele possua na esfera extrafísica interessam-se em ajudá-lo … Os encarnados vêem habitualmente apenas o sensitivo que entrou em função, mas esquecem-se, não raro, das inteligências desencarnadas que se lhe incorporam na onda mental, fornecendo-lhe todos os avisos e instruções atinentes ao feito". 33
  34. 34.  Manifesta-se pela manipulação de uma vareta de metal, de um pêndulo ou de uma forquilha de madeira com a finalidade de se descobrir veios de água ou jazidas de minério mas que também já serviu para detectar doenças. 34
  35. 35.  Há notícia de que o Abade Mermet, um dos maiores radiestesistas de todos os tempos, em 1934, conseguiu, mediante procedimentos radiestésicos, descobrir o paradeiro de vinte pessoas desaparecidas. 35
  36. 36.  Alguns psicómetras têm prestado os seus serviços à polícia, destacando-se, entre eles, Peter Hurkos (E.U.A.), Lanfranco Davido (Itália), Nelson Palmer (África do Sul), Vanga Dimitrova (Bulgária) e Gerard Croiset (Holanda).  Na Grécia, por iniciativa do Dr. Tanagras, foram criados cursos especiais para agentes policiais a fim de os familiarizar com os fenómenos paranormais. 36
  37. 37.  Quando o criminoso não deixa impressões digitais, ou outros sinais informativos, mesmo os que podem ser identificados pelo DNA através de um único fio de cabelo, e inexistindo qualquer testemunha do evento, as policias de diversos estados dos Estados Unidos da América, mas também da Europa, têm procurado o precioso auxílio de médiuns/sensitivos com a faculdade de psicometria, para poderem solucionar casos intricados de homicídios, desaparecimentos e assassinatos em série, obtendo grande sucesso. 37
  38. 38.  Noreen, pegou o cinto e o relógio que a vítima usava quando morreu e fechou os olhos. De repente, começou a convulsionar, em uma espécie de transe, e falou: “Estão-me a bater, estou muito maltratado, acho que me atingiram na nuca.” Quando voltou a si, ela sabia descrever com detalhes o rosto do assassino, o de sua mulher, o local da morte e o esconderijo da arma do crime. 38
  39. 39.  Chamado pela família de um menino desaparecido, Tommy, Jordan rascunhou um mapa intuitivamente, prevendo a sua possível localização. Enquanto caminhava pela floresta, segurava num sapato de Tommy, que, segundo ele, canalizava a energia do menino. Uma hora após a chegada de Jordan, Tommy foi encontrado, depois de ter estado perdido mais de doze horas na mata. 39
  40. 40.  no caso da menina inglesa Madeleine McCann, que desapareceu em uma praia portuguesa em 2007, surgiram mais de 1 000 informações que não foram confirmadas  quando o sensitivo não está em harmonia com os espíritos amparadores, acaba sendo manipulado por espíritos desequilibrados que o fazem transmitir informações equivocadas, e ao invés de auxiliar, provoca danos muitas vezes irreparáveis. 40
  41. 41.  um advogado tinha desaparecido em Dezembro de 1993 num dia em que tinha saído cedo de casa para ir ao banco. Passava o tempo e não apareciam notícias do seu paradeiro, para grande desespero e aflição da família. A polícia empregou todos os recursos disponíveis na investigação, mas mesmo assim sem qualquer resultado útil.  Sem qualquer indício material que levantasse a suspeita de sequestro ou homicídio, o caso foi encerrado e as investigações terminaram. 41
  42. 42.  Camilo apercebeu-se de uma obra construída num canto do terreno e que estava pavimentada com uma camada grossa de cimento e suspeitou de imediato que ali pudesse estar enterrado o cadáver.  Numa ocasião em que levou o carro a uma oficina, para ser reparado, o mecânico que o atendeu subitamente disse-lhe: “Doutor, meus ‘amigos espirituais’ dizem que o senhor pensou bem. Siga adiante!” 42
  43. 43.  Após destruir todo o pavimento e de revolver alguma da terra existente por debaixo dele foi finalmente encontrado o cadáver em bom estado de conservação e facilmente reconhecível. Após, Camilo conseguiu chegar aos autores do crime que acabaram por confessar o crime.  43
  44. 44.  Valter da Rosa Borges, “Manual de Parapsicologia”  Laércio Pacheco Chaves, “Jurisprudência mediúnica”  Erica valentina Monteiro, “A psicografia como meio de prova” 44
  • AdrianaSoeiroShumaher

    Feb. 14, 2020

Mediunidade e Justiça

Vistas

Total de vistas

90

En Slideshare

0

De embebidos

0

Número de embebidos

0

Acciones

Descargas

2

Compartidos

0

Comentarios

0

Me gusta

1

×