PERSASwww.thiagohmlopes.blogspot.com
⇒ Entre o Golfo Pérsico e o Mar Cáspio (Planalto do Irã),estabeleceram-se, por volta de 2.000 a.C., povos indo-europeus:me...
POLÍTICA DOS MEDO-PERSAS: OS MEDOS:⇒ Estabeleceram-se no norte (Média), próximo ao monte  Zagros, sul do Mar Cáspio.⇒ Dia...
⇒ Ampliação das fronteiras do reino  conquistando a Lídia, a cidade da  Babilônia (libertou os hebreus), a  Fenícia, a Sír...
⇒ Dario I dividiu o Império em províncias (satrapias), dirigidas por                                           satrapias  ...
⇒ Dario I e seu filho Xerxes tentaram subjugar as colônias  gregas da Ásia Menor. Dario foi derrotado pelos  atenienses na...
RELIGIÃO MEDO-PÉRSICA (Zoroastrismo):⇒ Inicialmente os persas praticavam uma religião totêmica e  animista.⇒ Zoroastro ou ...
Próxima SlideShare
Cargando en…5
×

Medo persas

8.455 visualizaciones

Publicado el

Publicado en: Educación
  • Sé el primero en comentar

Medo persas

  1. 1. PERSASwww.thiagohmlopes.blogspot.com
  2. 2. ⇒ Entre o Golfo Pérsico e o Mar Cáspio (Planalto do Irã),estabeleceram-se, por volta de 2.000 a.C., povos indo-europeus:medos (norte) e persas (sul).⇒ A união dos dois povos originou o Império Persa, que seestendia da Ásia Menor até as fronteiras da Índia.
  3. 3. POLÍTICA DOS MEDO-PERSAS: OS MEDOS:⇒ Estabeleceram-se no norte (Média), próximo ao monte Zagros, sul do Mar Cáspio.⇒ Diante da expansão dos assírios, os medos fundaram um reino com capital em Ecbatana. Ecbatana⇒ Ao lado dos caldeus, os medos destruíram o Império Assírio. As fronteiras do domínio medo avançaram, na direção oeste, até a Lídia, e sul dominando a região dos persas. OS PERSAS:⇒ Estabeleceram-se na região mais pobre, o sudoeste.⇒ Em 550 a.C., Ciro (príncipe persa) conquistou Ecbatana e fundou o Reino da Pérsia, dando início a formação de um império, com capital em Persépolis. Persépolis
  4. 4. ⇒ Ampliação das fronteiras do reino conquistando a Lídia, a cidade da Babilônia (libertou os hebreus), a Fenícia, a Síria e a Palestina.OBS: Ciro aplicou uma política de respeito às diferenças culturais e religiosas dos povos conquistados.⇒ Cambises, filho e sucessor de Ciro, Cambises continuou o expansionismo persa, conquistando o Egito na Batalha de Pelusa, em 525 a.C.⇒ Com a morte de Cambises, sem deixar herdeiros, o trono persa foi entregue a Dario I.
  5. 5. ⇒ Dario I dividiu o Império em províncias (satrapias), dirigidas por satrapias governadores (sátrapas), que cobravam e pagavam ao Estado sátrapas impostos/tributos – proporcionais à riqueza da província;⇒ Os sátrapas eram fiscalizados, espionados, por funcionários de alta confiança do imperador – os “Olhos e Ouvidos do Rei”;⇒ Unificação do sistema de impostos com a criação do dárico, moeda de ouro ou prata, aceita em todo o Império Persa, além de facilitar a atividade comercial;⇒ organização de uma ampla rede de estradas e um excelente sistema de correios – Estrada Real. Real
  6. 6. ⇒ Dario I e seu filho Xerxes tentaram subjugar as colônias gregas da Ásia Menor. Dario foi derrotado pelos atenienses na batalha de Maratona (490 a.C), e Xerxes após a série de batalhas da Segunda Guerra Médica, iniciada nas Termópilas. Termópilas⇒ Enfraquecimento e a desintegração do Império Persa, até sua total submissão com a derrota de Dario III, em 330 a.C., por Alexandre Magno. Magno
  7. 7. RELIGIÃO MEDO-PÉRSICA (Zoroastrismo):⇒ Inicialmente os persas praticavam uma religião totêmica e animista.⇒ Zoroastro ou Zaratrusta reorganizou a religião, cujos princípios estão contidos no Zend Avesta, livro sagrado dos persas. Avesta⇒ Dualismo divino: luta entre o bem (Ormuz ou Ahura-Mazda) e o divino mal (Arimã).⇒ No Juízo Final o bem triunfaria sobre o mal – após 12 mil anos de existência da Terra.⇒ O fim do mundo seria marcado pela vinda do Messias (fruto de uma virgem), pela ressurreição dos mortos e pelo julgamento, quando os bons serão agraciados com a eternidade no paraíso.

×