Se ha denunciado esta presentación.
Utilizamos tu perfil de LinkedIn y tus datos de actividad para personalizar los anuncios y mostrarte publicidad más relevante. Puedes cambiar tus preferencias de publicidad en cualquier momento.

Pesquisa quantitativa qualitativa_quanti_quali

1.656 visualizaciones

Publicado el

Curta a página no Facebook "Serviço Social Guia do estudante https://www.facebook.com/guiaadoestudante.br
O homem para ser completo tem que estudar, trabalhar e lutar
Sócrates

Publicado en: Educación
  • Sé el primero en comentar

Pesquisa quantitativa qualitativa_quanti_quali

  1. 1. universidade de Santa Cruz do Sul Faculdade de Serviço Social Pesquisa em Serviço Social I I BIBLIOGRAFIA: MARCONI, Marina de Andrade; LAKATOS, Eva Maria. Técnicas de pesquisa. 2.ed., rev e ampliada. São Paulo: Atlas, 1990 MARTINELLI, Maria Lúcia. O uso de abordagens qualitativas na pesquisa em Serviço Social. NESPI nº 1. São Paulo: PUCSP, 1994. PRATES, Jane. Apostila didática de Pesquisa Social.PUCRS, 2006. PESQUISA QUANTITATIVA e QUALITATIVA Material elaborado por Edla Hoffmann para fins didáticos- Aula dia 09-04-2010.
  2. 2. CONCEITUANDO... “Pesquisa é um procedimento formal, com método do pensamento reflexivo, que requer um tratamento científico, e se constitui para conhecer a realidade ou descobrir verdades parciais”. Marconi e Lakatos, 1991.p15. “ Pesquisa social como o processo que, utilizando a metodologia científica, permite a obtenção de novos conhecimentos no campo da realidade social” Gil, 2006.p42.  Procedimento racional e sistemático que tem como objetivo proporcionar respostas aos problemas que são propostos. (. . . ) A pesquisa é desenvolvida mediante o concurso dos conhecimentos disponíveis e a utilização cuidadosa de métodos, técnicas e outros procedimentos científicos (. . . ) ao longo de um processo que envolve inúmeras fases, desde a adequada formulação do problema até a satisfatória apresentação dos resultados. (Gil, 2006)
  3. 3. NÍVEIS DE PESQUISA (GIL) Pesquisas Exploratórias: tem por finalidade desenvolver, esclarecer e modificar conceitos e idéias, a formulação de problemas mais precisos ou hipóteses pesquisáveis para estudos posteriores. Primeiras aproximações temática. Envolvem levantamento, pesquisa bibliográfica e documental, entrevistas não padronizadas e estudos de caso. Pesquisas Descritivas: propõe-se a descrever características de determinada população ou fenômeno, problema ou objeto estudo, associações de variáveis. Se destaca pela utilização de técnicas padronizadas de coleta de dados. Pesquisas Explicativas: propor uma teoria a respeito de um fenômeno. Busca os porquês. Preocupam-se por identificar os fatores que determinam ou contribuem para a ocorrência dos fenômenos.Maior profundidade no conhecimento da realidade.
  4. 4. METODOLOGIAS QUANTITATIVAS E QUALITATIVAS CONCEITOS E CARACTERÍSTICAS
  5. 5. NATUREZA DA PESQUISA • Quando pensamos no ato de desenvolver pesquisa, alguns pressupostos devem ser considerados: a) O ato de fazer pesquisa; b) O pensar pesquisa; c) O como fazer pesquisa; d) Para quê fazer pesquisa; e) O que pesquisar; f) O hábitos cientifico; g) Diante destes questionamentos, optamos e nos orientamos pela natureza do estudo que deve ser definido de acordo com a nossa proposição de pesquisa. De antemão, devemos ter claro que pesquisa quantitativa e qualitativa não se opõem e sim, são complementares.
  6. 6. 1. A PESQUISA QUANTITATIVA  Nas ciências sociais é a expressão Quantitativa da realidade social.  Preocupação com o mensurável, com o Transmissível, observável, materialmente Manipulável Uso da experimentação, da matemática, da estatística. Ex. nº de visitas realizadas, idade, nº internações, quantidade de meninos em situação de rua, etc..  Estabelece relação entre variáveis  Preocupação com o rigor científico, com a precisão dos instrumentos de medida.
  7. 7. PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS  Estudo quantitativo;  Mensura o objeto de estudo  Utiliza-se de instrumentos fechados que permitam a quantificação do objeto de estudo; As informações são colhidas por meio de um questionário estruturado ou entrevista fechada com perguntas claras e objetivas;  Utiliza-se de uma amostra que seja representantiva;  Utiliza-se de um universo e amostra, cujos resultados possam ser generalizados
  8. 8.  Requer um estudo estatístico para definir a amostragem;  Exige um número maior de entrevistados para garantir maior precisão nos resultados, que serão projetados para a população representada.  Seu objetivo é mensurar e permitir o teste de hipóteses, já que os resultados são mais concretos e, conseqüentemente, menos passíveis de erros de interpretação.  Permitem que se realizem projeções para a população representada;  Interessam fatos que possam ser mensurados;
  9. 9.  A PESQUISA QUANTITATIVA PERMITE ESTABELECER RELAÇÃO ENTRE VARIÁVEIS (CHIZZOTTI,1995, p.52).  A pesquisa quantitativa possibilita a mensuração de variáveis pré- estabelecidas.  A pesquisa quantitativa verifica e explica a influência de variáveis pré-estabelecidas sobre outras variáveis, mediante a análise da freqüência de incidências e de correlações estatísticas
  10. 10. ESTUDOS EXPERIMENTAIS  Modificam as condições que determinam um fato ou fenômeno e observam e interpretam as mudanças que ocorrem.  Exigem planejamento rigoroso ( mais do que nos outros tipos de estudo )  partem de uma exata formulação do problema e das hipóteses,  o que permite delimitação precisa das variáveis que atuam sobre o fenômeno,  fixando com exatidão a maneira de controlá-las. Em geral existem dois grupos : o experimental e o de controle  há seleção cuidadosa dos sujeitos e dos instrumentos.  Controle dos procedimentos de pesquisa.  Manipula-se a variável independente x (causa) para observar as mudanças que se produzem na variável dependente y (efeito).
  11. 11. SEGUNDO MARTINELLI (1994, PÁG. 34): • “A abordagem quantitativa quando não exclusiva, serve de fundamento ao conhecimento produzido pela pesquisa qualitativa. Para muitos autores a pesquisa quantitativa não deve ser oposta à pesquisa qualitativa, mas ambas devem sinergicamente convergir na complementaridade mútua, sem confinar os processos e questões metodológicas a limites que contribuam os métodos quantitativos exclusivamente ao positivismo ou os métodos qualitativos ao pensamento interpretativo, ou seja, a fenomenologia, a dialética e a hermenêutica.”
  12. 12. 2. PESQUISA QUALITATIVA  Procura dar respostas aos aspectos da realidade que não podem ser quantificados.  Trabalha com o universo de Significados, motivos, aspirações, opiniões, simbologias, crenças, valores e atitudes.  No mundo dos significados e das relações humanas os dados quantitativos e qualitativos se complementam.  Pode ser quantificada através da identificação de categorias e realização de análise freqüencial ( análise de conteúdo- Bardin)
  13. 13. PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS  São exploratórias, ou seja estimulam os entrevistados a pensarem livremente sobre algum tema, objeto ou conceito;  Fazem emergir aspectos subjetivos e atingem motivações não explícitas, ou mesmo conscientes, de maneira espontânea;  A pesquisa qualitativa pode ser caracterizada como a tentativa de uma compreensão detalhada dos significados e características situacionais apresentadas pelos entrevistados, em lugar da produção de medidas quantitativas de características ou comportamentos.
  14. 14.  Pesquisa qualitativa é basicamente aquela que busca entender um fenômeno específico em profundidade. Ao invés de estatísticas, regras e outras generalizações, a qualitativa trabalha com descrições, comparações e interpretações.  Utiliza-se de instrumentos e técnicas abertas que permitam a compreensão e análise qualitativa do estudo: entrevista, observação, grupo focal, história de vida;
  15. 15. OBJETIVO DA PESQUISA QUALITATIVA, SEGUNDO MARTINELLI (1999, P. 21-22) É :  Trazer à tona o que os participantes pensam a respeito do que está sendo pesquisado.  Não é só a visão de pesquisador que é importante, mas também o que o sujeito tem a dizer em relação ao problema.
  16. 16. O SIGNIFICADO É DE IMPORTÂNCIA VITAL NA ABORDAGEM QUALITATIVA Há interesse especial:  no modo como diferentes pessoas dão sentido às suas vidas;  no que as pessoas experimentam;  no modo como interpretam suas experiências  e como estruturam o mundo social em que vivem; A investigação reflete uma espécie de diálogo entre os investigadores e os sujeitos do estudo
  17. 17. PRESSUPOSTOS DA PESQUISA QUALITATIVA  1 - Reconhecimento da singularidade do sujeito;  2 - As pesquisas partem do reconhecimento da importância de se conhecer a experiência social do sujeito;  3 - Reconhecimento de que conhecer o modo de vida do sujeito pressupõe o conhecimento de sua experiência social.
  18. 18. RELAÇÃO ENTRE QUANTITATIVO E QUALITATIVO  No estudo de um fenômeno, os dados quantitativos e as informações qualitativas se completam.  Os dados quantitativos possibilitam a compreensão da abrangência do fenômeno.  As informações qualitativas permitem conhecer o significado que as pessoas atribuem aos fenômenos.  A relação entre pesquisa quantitativa e qualitativa não é de oposição, mas de complementaridade e de articulação.
  19. 19.  Nas Ciências Naturais predominam os métodos quantitativos: adotam uma estratégia de pesquisa baseada em observações empíricas, em testagens de hipóteses, na mensuração dos fenômenos, com o objetivo de explicar fatos e fazer previsões.  Nas Ciências Humanas e sociais predominam os métodos qualitativos: considerando que o fenômeno humano possui características próprias, típicas. Defendem a necessidade de uma lógica própria para o estudo dos fenômenos humanos e sociais, procurando as significações dos fatos no contexto em que ocorrem. O QUANTITATIVO E O QUALITATIVO NAS CIÊNCIAS NATURAIS E NAS CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS
  20. 20. FORMAS DIFERENTES DE APREENSÃO DA REALIDADE  As Ciências Naturais: apreendem o fenômeno pela observação, pela experimentação em condições de controle, submetendo-o a critérios de rigor, mensurando os fenômenos dentro de uma sistemática própria.  As Ciências Humanas e Sociais: utilizam formas mais qualitativas de apreensão da realidade, buscando o significado e a compreensão dos fenômenos.
  21. 21. PESQUISA QUANTI-QUALITATIVA  Trabalha com dados de fácil quantificação e complementa-os com dados subjetivos ou descritivos.  Por ser também qualitativa reconhece o caráter político da pesquisa social- como construção coletiva que parte da realidade dos sujeitos mediando processos de desvendamento por meio da reflexão.

×