Se ha denunciado esta presentación.
Utilizamos tu perfil de LinkedIn y tus datos de actividad para personalizar los anuncios y mostrarte publicidad más relevante. Puedes cambiar tus preferencias de publicidad en cualquier momento.

Por que falar em impacto social?

1.039 visualizaciones

Publicado el

Impactos de negócios são entendidos como aqueles com melhorias sociais, que vão além dos resultados que uma empresa tem sobre o emprego, a renda familiar e a arrecadação de impostos. Não são derivados apenas pela geração de renda, mas visam ampliar as oportunidades e reduzir os riscos das famílias mais pobres.

O conceito de impacto de negócios sociais ainda gera confusões e limita a ação de empreendedores, principalmente em relação aos seus investimentos. No Brasil, por exemplo, já existem vários fundos de investimento (private equity) dedicados exclusivamente a investir em negócios de impacto social, movimentando centenas de milhões de reais.

Para entender melhor o termo Impacto Social, e saber como aproveitar oportunidades atuais para o empreendedorismo, está sendo lançado o SlideShare: Por que Falar em Impacto Social. O documento foi escrito pelo sociólogo e demógrafo Haroldo Torres e pelo consultor e professor de marketing, Edgard Barki.

Confira o que são custos de transação? Como os negócios de impacto podem reduzir as despesas dos mais pobres? E muito mais.

Publicado en: Empresariales
  • Inicia sesión para ver los comentarios

Por que falar em impacto social?

  1. 1. Impacto social de negócios Os negócios com impacto representam uma nova proposta de atuação empresarial que, simultaneamente, busca impacto social e retorno financeiro *Baseado em: Torres, H.G. e Barki, E. (2013). Por uma classificação de negócios com impacto social. Trabalho apresentado no VII Encontro Nacional de Pesquisadores em Gestão Social. Belém: ENAPEGS. Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki*
  2. 2. ÍNDICE Capítulo 1 Porque falar sobre impacto social de negócios? Capítulo 2 O que são custos de transação e como os negócios de impacto podem reduzir as despesas dos mais pobres? Capítulo 3 Conheça três modelos que reduzem os custos de transação para empreendedores de baixa renda Capítulo 4 Entenda os negócios que contribuem para a redução da vulnerabilidade social Capítulo 5 Promova a redução de vulnerabilidades por meio de projetos de habitação Capítulo 6 Compreenda os negócios que contribuem para o aumento dos recursos familiares Algumas Referências | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  3. 3. Capítulo 1 Impactos sociais de negócios se traduzem em melhorias sociais no sentido amplo, para além dos resultados que uma empresa gera sobre o emprego, a renda familiar e a arrecadação de impostos. Isto é, não são derivados apenas da geração de renda, mas atuam também no sentido de ampliar as oportunidades e reduzir os riscos das famílias mais pobres. Porque falar sobre impacto social de negócios | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  4. 4. O crescimento do campo de negócios com impacto é bastante perceptível. No Brasil já existem vários fundos de investimento (private equity) dedicados exclusivamente a investir nessa nova modalidade, gerando um investimento total da ordem de centenas de milhões de reais. No entanto, o conceito de impacto de negócios sociais ainda gera confusões e limita a ação de empreendedores e investidores. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  5. 5. • Geração de renda • Acesso a educação • Acesso a serviços financeiros • Saúde • Moradia Entre os que adotam o conceito, negócios com impacto social são classificados de acordo com as necessidades básicas das famílias em uma sociedade moderna: Alguns dos principais fundos atuando nesse mercado classificam seu portfólio de investimentos dessa forma. No entanto, essa classificação não oferece uma descrição perfeita dos mecanismos que fazem com que negócios produzam impacto. Por exemplo, correspondentes bancários também podem produzir impacto social positivo ao contribuírem para que famílias pobres levem menos tempo e gastem menos recursos para realizar transações bancárias. Mas esse tipo de serviço nem sempre é compreendido como um negócio com impacto social. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  6. 6. Muitas formas de geração de impacto por meio de negócios podem ser identificadas. Podemos aprofundar essa ideia ao classificar de outro modo os tipos de impacto social produzidos por negócios: redução de custos de transação para os mais pobres, redução da vulnerabilidade e aumento dos recursos familiares. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  7. 7. Capítulo 2 Custos de transação são aqueles que ocorrem durante processos de troca. Referidos à empresa, são os custos que excedem aqueles envolvidos na produção (capital, trabalho e insumos) incluindo outros aspectos, tais como, custos com empréstimos, marketing, seguros, comunicações etc. O que são custos de transação e como os negócios de impacto podem reduzir despesas dos mais pobres | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  8. 8. O conceito também tem sido utilizado em marketing, uma vez que essa área lida com temas transacionais. Custo de Transação Na área de finanças, o termo custo de transação é bastante utilizado, sendo associado à negociação de ativos financeiros: Taxas de juros Taxas de administração Entender tais custos permite grandes economias na hora de contrair crédito ao fazer investimentos. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki Margens do negócio bancário (spreads)
  9. 9. Menos comum, no entanto, é pensar em custos de transação na perspectiva dos consumidores. Mas, famílias podem evitar custos importantes ao comprar e vender. Por exemplo, o baixo grau de informação sobre preços pode levar a gastos desnecessários com determinados produtos. A distância dos centros comerciais e as dificuldades de transporte podem implicar também em despesas importantes para os consumidores de periferias. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  10. 10. Em áreas mais pobres, a competição tende a ser mais baixa e os empresários locais praticam preços mais elevados. Além disso, é comum famílias pobres serem vítimas de contratos desfavoráveis por falta de acesso à informação jurídica e/ou contato com profissionais da área. Essa dimensão é crítica na realização de contratos – formais ou não – para a transação de bens de grande valor, como lotes urbanos e veículos. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  11. 11. Capítulo 3 Conheça três modelos que reduzem os custos de transação para empreendedores de baixa renda | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki Alguns negócios podem ser bastante potentes do ponto de vista da redução de custos de transação.
  12. 12. Destacamos na introdução o impacto dos correspondentes bancários. Trata-se de um serviço realizado no Brasil por meio de lotéricas, por exemplo. Ao levar o serviço à proximidade de residências, fica muito mais fácil e barato transacionar com o banco. Atualmente, os correspondentes bancários realizam mais de 70% dos pagamentos no âmbito do programa Bolsa Família, segundo a Caixa Econômica Federal. Correspondentes bancários | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  13. 13. Outro negócio da área financeira com grande potencial de redução dos custos de transação é o mobile banking. Essa solução reduz os custos que os pobres ficam sujeitos ao realizar ou receber remessas de dinheiro, reduzindo a necessidade de deslocamentos para fazer transações e aumentando a segurança. Eles funcionam também em transações locais, como uma espécie de cartão de débito. Esse tipo de solução pode ter um significativo impacto econômico, como o exemplo do projeto M Pesa, no Quênia. Mobile Banking | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  14. 14. Uma terceira modalidade de serviços que reduz custos de transação é a disponibilização de informações sobre preços. Serviços por Internet, como o Buscapé no Brasil, reduzem os custos de adquirir informação sobre preços, permitindo ao consumidor identificar ofertas relevantes, sobretudo no caso da aquisição de duráveis. No entanto, esse serviço é, ainda, inacessível aos que não contam com Internet. Nesse sentido, um bom exemplo é a experiência que tem sido desenvolvida na Índia e na África por meio de informação de preços agrícolas disponibilizadas e enviadas por SMS. O serviço é oferecido por organizações como a Reuters, na Índia, e pela Esoko, em Gana. Ao ter informações mais adequadas sobre preços dos produtos que plantam, agricultores têm maior capacidade de decidir sobre o momento da venda, bem como contrabalançar a ação dos atravessadores de produtos agrícolas. Informação sobre preços | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  15. 15. A redução dos custos de transação não é apenas essencial para empresas e bancos, mas tem um impacto cotidiano nas transações realizadas pela população. Para aqueles de baixa renda, que dispõe de poucos recursos, pequenas economias feitas diariamente podem acarretar impactos sobre sua capacidade de consumo de produtos essenciais, como alimentos. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  16. 16. Capítulo 4 Vulnerabilidade se refere à baixa capacidade de indivíduos, organizações ou sociedades lidarem com eventos que provocam impactos adversos. Por exemplo, indivíduos com maior escolaridade são menos vulneráveis a situações de desemprego. Entenda os negócios que contribuem para a redução da vulnerabilidade social | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  17. 17. Vulnerabilidade A ideia de vulnerabilidade vem sempre associada a diferentes graus de exposição a risco: Desemprego Drogas Doenças Certos grupos sociais, como moradores de favelas, são considerados mais vulneráveis porque estão expostos de forma cumulativa a diferentes riscos. Pobreza extrema ViolênciaMorte Contaminação ambiental Etc | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  18. 18. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki A vulnerabilidade social é mais ampla do que a de linha de pobreza, utilizada em programas sociais. Afinal, pessoas acima da linha da pobreza podem ser muito vulneráveis, como os deficientes, idosos, analfabetos, doentes e desempregados. Ao mesmo tempo, pessoas abaixo da linha da pobreza podem ter chances diferenciadas de ascender socialmente, conforme o seu grau de instrução e o tipo de família ou comunidade em que vivem.
  19. 19. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki O local de moradia deve ser pensado como um dos eixos centrais para a redução de vulnerabilidades. Projetos nas áreas de saneamento, habitação e urbanização podem ter impactos distintos em termos de redução das vulnerabilidades em cinco aspectos. SÃO ELES:
  20. 20. Redução da incidência de doenças transmissíveis Trabalhadores mais saudáveis são mais produtivos com impacto em termos de rendimentos, sobretudo para os trabalhadores do setor informal; | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  21. 21. Combate à violência urbana Projetos de urbanização contribuem para a redução da violência por meio de recursos como a melhoria da iluminação pública e a presença de vias de acesso bem construídas; | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  22. 22. Redução do risco de morte Com as melhorias das condições sanitárias e da segurança pública, projetos no campo da habitação contribuem para a redução do risco de morte. O falecimento de adulto produtivo pode ter um impacto muito negativo para a família, levando-a a pobreza extrema. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  23. 23. Melhor acesso ao mercado de trabalho Ações no campo urbano podem reduzir o tempo de deslocamento ao trabalho ou facilitar a utilização da casa como local de produção, aspecto importante no setor informal e particularmente para as mulheres (costureiras, doceiras, cuidadoras etc); Insira aqui Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog
  24. 24. Aumento da autoestima A moradia num local seguro contribui para a redução do stress e para o aumento da autoestima, com efeitos na educação e na disputa por uma vaga no mercado de trabalho. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  25. 25. Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki A possibilidade de projetos na área de habitação contribuírem para a redução de vulnerabilidades depende muito das características dos projetos em questão. Existe casos de conjuntos habitacionais que ampliam situações de vulnerabilidade, ao se localizarem muito afastados dos centros de oferta de trabalho, de serviços sociais e de centros comerciais. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog
  26. 26. Capítulo 5 Apesar da grande importância da moradia, a redução da vulnerabilidade não se limita a esse tema. Serviços financeiros, por exemplo, também podem contribuir para a redução da vulnerabilidade. O mais óbvio deles é a poupança. Mas existem outros, como os microsseguros. Por exemplo, o seguro funeral e o seguro de vida de baixo desembolso podem ter impacto importante para a redução de riscos. Promova a redução de vulnerabilidades por meio de projetos que proporcionem o aumento dos ativos familiares | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  27. 27. • Capital físico, que inclui terra e bens materiais; • Capital humano, que inclui educação e saúde, e; • Capital social, que está relacionado à extensão e natureza das redes sociais. Empresas como a SINAF Seguros tem liderado esse campo no Brasil, com destaque no mercado do Rio de Janeiro. Com uma distribuição por micro agentes de seguros e o recurso a uma comunicação ativa e irreverente, a empresa vem se destacando em seu mercado regional. A maior parte dos negócios oferece potencial de aumento dos recursos da família (ou ativos), ao empregar pessoas e pagar impostos. No entanto, os negócios com impacto social pretendem contribuir para o aumento desses recursos para além da simples geração de empregos. Estamos falando no acesso a três tipos distintos de capital: | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  28. 28. Já existe no Brasil negócios com potencial de contribuir para a ampliação e consolidação do capital físico das famílias, como o da empresa Terra Nova, voltados para a regularização fundiária de áreas informais. É relacionado aos bens físicos de uma dada família. O acesso à terra rural ou urbana, por exemplo, é um ponto chave na discussão sobre pobreza. Apenas o acesso à propriedade formalizada legalmente permite a plena utilização de seu potencial econômico. Por exemplo, sem acesso formal à propriedade, as famílias têm maior dificuldade de obter crédito, usando esse ativo como garantia e as propriedades informais tem que ser vendidas com descontos significativos. Capital físico | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  29. 29. O Descomplica, por exemplo, é um site que oferece aulas de segundo grau de diversos conteúdos, a um custo de assinatura de 15 reais por mês. Esse sistema tem o potencial de democratizar o acesso a aulas particulares. O investimento em capital humano também pode reduzir a pobreza e a vulnerabilidade. Diferentes estudos indicam que cada ano adicional de estudo, a renda do trabalho aumenta substancialmente no Brasil. E existem diversas possibilidades de negócio nesse caso. Por exemplo, o ensino pode ser oferecido de modo mais barato pela Internet. Capital humano | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  30. 30. E, com o advento do celular e a expansão das redes sociais na Internet (Facebook, LinkedIn etc.), é cada vez mais evidente a importância dessa modalidade de ativo, influenciando nossa capacidade de ter acesso a oportunidades de diversas naturezas. O capital social é criado a partir das relações entre as pessoas. A essência do capital social está na rede de relacionamentos que incluem família, amigos e outros contatos pelos quais se pode acessar informação ou apoio. Esse é um ativo essencial na busca por empregos, por exemplo. Capital social | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  31. 31. Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki Na prática, os três tipos de capital estão muito associados. Indivíduos mais ricos e escolarizados pertencem a redes sociais muito mais extensas, enquanto as redes de pessoas pobres são circunscritas a grupos locais de menor expressão. E negócios com impacto social podem ter um papel muito relevante no aumento dos três tipos de ativos aqui considerados. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog
  32. 32. Educação Projetos em ensino básico ou técnico têm grande impacto para os mais pobres. Microcrédito Acesso a crédito permite a formação de capital físico. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  33. 33. Apoio ao empreendedor Treinamento, informação e melhoria da cadeia decomercialização podem alavancar pequenos negócios. Acesso a empregos Serviços de intermediação profissional reduzem o tempo de desemprego. Acesso à propriedade A formalização amplia o acesso ao crédito e ao emprego. A propriedade pode ser usada também como local de produção. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki
  34. 34. Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki Diferentes negócios podem ser pensados como capazes de ampliar os ativos familiares. Em alguns casos, negócios desse tipo são sustentáveis em termos econômicos, sendo lucrativos e gerando impacto social independentemente do governo. Em outros – sobretudo no setor habitacional – o governo amplia esse campo de negócios subsidiando parcialmente tais iniciativas. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog
  35. 35. Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki • Banco Central, 2010. Relatório de inclusão financeira, n. 1. Brasília: Banco Central. www.bcb.gov.br/Nor /relincfin/relatorio_i nclusao_financeira.p df • Barki, E. Izzo, D. Torres, H.G, e Aguiar, L. 2013. Négócios com impacto social no Brasil. São Paulo: Peirópolis. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Algumas referências
  36. 36. | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog A DIN4MO é uma consultoria especializada em negócios de impacto social, que tem com o objetivo apoiar startups em seu desenvolvimento, assim como orientar organizações consolidadas que possuem interesse em negócios sociais. Uma de suas principais expertises é criar soluções que transformem as condições dos empreendedores e o seu ecossistema, para que eles enfrentem os desafios dos negócios, atinjam escala e cresçam de forma sustentável. Entre os serviços, a DIN4MO oferece consultoria em captação de recursos, aprimoramento de modelos de negócios e lançamento comercial de produtos e serviços (Go to Market). O portfólio conta também com a metodologia de game de impacto social para ampliar engajamento e acelerar aprendizagem; e com o desenvolvimento de projetos de inovação social, como soluções de crédito e microcrédito, educação financeira e empreendedora. Mais informações, acesse: www.din4mo.com
  37. 37. Professor da FGV-EAESP. Doutor e Mestre em Administração de Empresas pela FGV-EAESP. Conselheiro do Instituto Coca Cola e da Artemísia. Coordenador do Mestrado Profissional de Gestão Internacional da FGV-EAESP e Coordenador do Núcleo de Impacto Social do GVcenn (Centro de Empreendedorismo e Novos Negócios). Autor de diversos artigos em revistas nacionais e internacionais nas áreas de negócios com impacto social e base da pirâmide. Co-organizador dos livros “Negócios com Impacto Social no Brasil” e “Varejo para a baixa renda”. Co-autor do livro “Varejo no Brasil”. Haroldo Torres | www.din4mo.com | /ddin4mo /company/din4mo din4mo.com.br/blog Impacto social de negócios | Haroldo da Gama Torres e Edgard Barki Edgard Barki É economista, mestre em demografia, doutor em ciências sociais. Foi bolsista do Harvard Center for Population and Development Studies durante seu doutorado. É sócio da Din4mo e pesquisador sênior do Centro Brasileiro de Análise de Planejamento (Cebrap). Trabalha em projetos de monitoramento e avaliação de políticas sociais nas áreas de transferência de renda, vigilância epidemiológica, educação, nutrição, habitação, saneamento e desenvolvimento regional. Tem colaborado regularmente com agências multilaterais, empresas, ONGs e diferentes agências públicas federais, estaduais e municipais no Brasil.

×