Radar #7

426 visualizaciones

Publicado el

Entre tudo o que se cruza connosco e que nos alimenta, escolhemos as ideias que andam mais à frente e fizemos a Revista Radar.

A Radar é:
#ideias para criar produtos
#produtos para gerar ideias
#Clipping
#insights
#blogs, podcasts e youtubes

A Radar serve para isto tudo: para partilhar o melhor dos nossos googles, dos nossos outlooks e dos nossos neurónios.

Publicado en: Empresariales
  • Sé el primero en comentar

  • Sé el primero en recomendar esto

Radar #7

  1. 1. nesta ediçãoas boas ideias podem vir de todo o lado. inclui despertadores, utensílios de cozinha, matrículas, cupcakes e picnics.
  2. 2. pág.3 - lomos destruídas, pág. 25 - o estendal que ilumina,pág. 12 - sorrisos de chuva, pág. 18 - cadeiras panpaati,pág. 15 - a criativa que gosta de adoçar o mundo,pág. 28 - a água que planta, pág. 24 - a energia dos péspág.5 - toques terapêuticos, pág. 7- latas que dão emcasamento, pág.16 - sons urbanos subject: de onde vem as ideias as boas ideias podem vir de todo o lado. de uma conversa entre amigos, do dia frustrante de trabalho, dos erros, do medo, dos porquês surpreendentes das crianças, ou até da observação de estranhos da rua. não há cábulas para as grandes ideias, elas nascem da utilização das coisas no nosso dia a dia: é ficar sem bateria no telemóvel num dia de calor e lembrarmo-nos de o carregar nas nossas galochas através da energia dos nossos passos. é ouvir as sinfonias dos toques de telemóvel no eléctrico 28 e pensar em dar-lhes um tom terapêutico. é olhar para uma balança de peso e ver em vez de quilos, uma recomendação para o almoço seguinte. ter uma boa ideia é parar para pensar, é escutar e observar com atenção, é ter paixão e esquecer os “nãos”. porque o jogo da criação é um jogo de exportação e importação de factos e estimulos. não é um jogo de invenção.
  3. 3. se não funciona, destruao que fazer quando um consumidor se queixa de um produto directamente à marca? “envie-nos o produto, porque aindaestá dentro da garantia?”. não foi o que aconteceu há uns meses a um cliente lomo, que quando teve problemas com umacolorsplash, contactou a marca, e foi surpreendido com uma resposta bem original:”destrua a máquina de uma forma criativa, fotografe ou filme e envie-nos. enviaremos outra em substituição. inclusive, estamosa construir um blog com este tipo de material”.já existem alguns filmes no youtube. a criatividade das pessoas para destruir é fantástica.http://mellancia.wordpress.com/2010/03/17/cliente-bom-e-cliente-satisfeito/
  4. 4. when wood is good, scanwoodembora o silicone pareça ser o material de eleição das cozinhas neste momento, a empresadinamarquesa scanwood está a revitalizar a sua gama com a utilização da boa e velha matériaprima que é a madeira. Com a ajuda do design, o pack chama a atenção para a própria madeira,que nasce da natureza (ao contrário do silicone). http://www.gmtn.dk/work/scanwood
  5. 5. toques terapêuticosnão é que os japoneses precisem de mais desculpas para usar o telemóvel, mas agora, estesdispositivos electrónicos até já dispõem de propriedades terapêuticas!o “japan ringing tone laboratory” criou uma série de toques únicos que ajudam a perder peso, a curaras alergias, ou até, aliviar o stress.http://www.timesonline.co.uk/tol/news/world/asia/article7061696.ece
  6. 6. lipton smile experimentbrief:encontrar a solução para ligar a mensagem “drink positive” da Lipton com a audiência de formainovadora. (por outras palavras, fazer alguma coisa que nunca poderia ter sido feito à 5 anos atrás!).a solução:mudar a forma como as pessoas interagem na web tornando-a mais positiva. através de uma aplicação que detecta sorrisosprovocados pelos conteúdos de websites ou redes sociais, será possivel saber quem riu naquele mesmo conteúdo, fazersmilemarks, e partilhar smiles com amigos ou desconhecidos, espalhando a mensagem da lipton pelo mundo online.os créditos: robbin ingvarsson, nathan ross and waldemar wegelinhttp://robbinwaldemar.com/work/the-smile-experiment/http://vimeo.com/6717156
  7. 7. latas que dão emcasamentonos últimos anos temos assistido a histórias fora do formato no que toca aajudar o meio ambiente. a história deste artigo é sobre um casal com ideias tãogenerosas como financiar o seu casamento através da reciclagem de latas dealumínio.o casal, andrea parrish e pete geyer, recolheram 280 mil latas durante seis mesese meio (197 dias) o suficiente para pagar a cerimónia do casamento.o casal vai continuar o seu trabalho, mas agora o dinheiro vai financiar algomais. 40 por cento do dinheiro proveniente da reciclagem de latas de alumínioestá destinado à lua de mel. os outros 60 por cento do dinheiro será doado aosmédicos sem fronteiras, bem como ao rim country land institute.http://www.weddingcans.com/
  8. 8. picnic com estiloo verão chegou para ficar, e se as previsões do tempo não falharem, o próximofim-de-semana promete muito espirito de verão, mas à sombra.é um não redondo às filas da ponte e da linha, e um sim aos parques maispróximos para fazer um picnic daqueles que recordam a nossa infância.a bed bath & beyound tem uma cesta de piquenique ao estilo vintage que detão elegante é funcional. a cesta feita à mão, combina ervas marinhas, folhas debananeira e bambu, tornando-a perfeita para o ar livre ao mesmo tempo que atorna num objecto único para decoração. o interior arruma todos os utensiliosindispensáveis para uma tarde ou um pôr do sol diferente.http://www.bedbathandbeyond.com/product.asp?order_num=-1&SKU=14366059&RN=2171&utm_source=Triggermail&utm_imagem: http://www.refinery29.com/your-guide-to-the-most-kick-ass-picnic-ever.php medium=email&utm_campaign=R29+NYC+-+Your+guide+to+the+most+kick-ass+picnic+ever%21
  9. 9. realidade aumentada na timessquarea agência space150 criou recentemente um cartaz interactivo na times square para a forever21.o outdoor digital de 61 metros digital, apresenta modelos virtuais que interagem com o público: numa dasexecuções, a modelo tira uma fotografia polaroid à multidão para lhes mostrar o resultado, e na outra, a modelo peganum indivíduo da multidão e transforma-o num sapo com um beijo ou solta-o dentro de um saco de compras.as imagens das pessoas são em tempo real.http://vimeo.com/12855619http://www.space150.com/
  10. 10. teste à rapideznuma acção para demonstrar a velocidade do chrome, o googlecriou um jogo dentro do youtube como se fossem 6 vídeosinterligados. são diversos desafios integrados com outrasplataformas, como o twitter, google maps, google translatee last.fm, e o objetivo é tentar passar por cada um no menortempo possível.o projecto é um trabalho conjunto do google creative lab e dabbh.http://www.youtube.com/user/chromefastball
  11. 11. baby insideporque a juventude não é só uma questão de idade, mas sim, uma questão de atitude, os bebés da evian estão de volta numacampanha de imprensa onde uma série de modelos com estilo e personalidade revelam a mensagem “live young”.“baby inside” é a nova campanha da betc euro rscg fotografada pelo fotógrafo de moda, nathaniel goldberg.para acompanhar o lançamento da campanha, a colette vai vender em exclusivo na sua loja a colecção limitada de t-shirts.http://www.colette.fr/#/page/5173/evian/ http://theinspirationroom.com/daily/2010/evian-baby-inside/
  12. 12. sorrisos de chuvaimaginem um chapéu de chuva que arrastadopelas poças de água deixa para trás sorrisosdesenhados no chão. chama-se “umbrellawheel” e promete tornar-se um sucesso,principalmente se alargar a variedade de“mensagens” carimbadas no solo.designers: lin cheng-han, chung yu-hsun,cheng yu-ting & chen shaw-chenhttp://www.yankodesign.com/2010/06/28/umbrella-does-a-smiling-wheelie/
  13. 13. sinais do tempoO “Climate Dress” monitoriza os niveis de CO2 através de alta tecnologia desenvolvida pela parceria daempresa de design Diffus, o instituto de inovaçao Alexandra Institute, a escola de design The DanishDesign School, e com o patrocinio da empresa Textil Forster Rohner. O vestido com pequenos sensores,detecta os níveis de CO2 presentes no ar, que transmitem dados para pequenas luzes LED que compõemo bordado do vestido. quanto mais luzes acenderem, maior a poluição do local.E se no futuro, todas as peças de roupa cintilassem em ambientes de alta concentração de CO2?
  14. 14. show&tello youtube lançou um novo canal em parceria com o artdirectors club, que tem como objetivo mostrar formasinteressantes e eficazes das marcas utilizarem o youtube.o site apresenta exemplos de vídeos virais, canais de marca,vídeos interactivos, homepages escolhidos a dedo peloscolaboradores do art directors club.agora, antes de começar a pensar que o youtube está aoferecer este grande serviço só e apenas para inspirarmais criatividade, veja também este canal como o anúnciopara os produtos da marca youtube - uma soluçãode publicidade que proporciona aos clientes maiorpersonalização dos seus canais.http://www.youtube.com/ytshowandtell
  15. 15. a história da criativa que gosta de adoçar o mundo.ouvimos dizer que já não queres saber da Publicidade? - ih, que mentira. ainda me falta muito para queimar os cartuchos. continuo a sercopywriter das 10h às tantas. e adoro.mas é verdade que tens uma vida dupla? - sim. só não é na área da fotografia ou da escrita como a maioria dos criativos tem.então? és uma gogo dancer? - ahahaha, tinha graça. mas fico melhor de avental na cozinha do que de lingerie num palco. por isso, agoraquando não estou a escrever headlines estou com as mãos na massa a fazer cupcakes para os amigos.ah, afinal és pasteleira. - podemos chamar-me american housewife em part time? tem mais pinta.de onde veio isso? - tem a ver comigo, com as minhas referências visuais, os meus pecados capitais e a minha recente paixão pelaculinária. pin ups, american dream, gula...e não te chateia a modinha dos cupcakes? - sim. que seca. as pessoas conseguem esgotar os temas até à exaustão. mas chateia-me maisque se contentem com pouco e tenham as papilas gustativas mal educadas.e qual é a tua especialidade? - de limão com merengue baunilhado. e de chocolate com brigadeiro. e de marshmallow que também é tãobom... e ando a magicar os red velvet e uns de bolachas oreo.pronto, chega. senão ainda te cobramos espaço publicitário. - ups. é irresistível.e tens tempo para tudo? - perco muitas horas de sono. mas fico tão feliz saber que faço do mundo um sítio mais doce e mais bonito. osorriso das pessoas compensa muito.só falta contares qual é o nome do teu projecto. - esse é um tema delicado. apercebi-me que sou a cliente mais chata que já tive. andonisto desde janeiro e ainda não me consegui decidir por um nome. por isso, e enquanto não arranjo nada mais catita, são os cupcakes dapips. recheados de magia, cobertos de amor e com garantia de felicidade incluída. se quiserem provar, liguem-me ou escrevam-me para966923044 / pipscupcakes@gmail.com.
  16. 16. sons urbanoso economist escreveu um artigo interessante sobre a ideia de projectar o ruído urbano para o bem-estar doshabitantes da cidade. como o ruído ambiental é inevitável e até necessário por razões de segurança, o artigo sugereo aumento do número de sons naturais na paisagem urbana, com o objectivo de promover uma resposta emocionalpositiva dos pedestres.http://www.economist.com/blogs/babbage/2010/06/sounds_niceimagem: http://www.flickr.com/photos/yourdon/3615452442/sizes/l/
  17. 17. contas que precisam de ir ao ginásioem berlin, os visitantes de alguns restaurantes foram surpreendidos quando receberam a conta. não porque o valor elevadoassustava as carteiras mais pesadas, mas sim, porque o valor calórico fez corar os menos dados ao exercício físico. na conta, paraalém a descrição dos pedidos, tinha a descrição de calorias consumidas e quanto tempo de exercício é que seria necessário paraqueimá-las. com a conta os clientes recebiam um cupão de desconto para utilizar numa ida ao ginásio.esta acção foi da cadeia de ginásios fitness first.http://www.youtube.com/watch?v=97XF7PHsQF4
  18. 18. cadeiras‘panpaati’“cada peça é uma estrutura viva, orgânica, natural, quesofre alterações por ter interagido com o ambiente, os sereshumanos, animais ... ou seja, é comida!”criou-se uma linha com um ciclo vital, que nasce, vive emorre sem deixar rasto no planeta.100% de matéria viva.100% biodegradável.”este trabalho é formado por um conjunto de peças demobiliário comum, composto por duas cadeiras e umamesa que podem ser comidas e tornarem-se assim parte doprocesso de viver.de alguma maneira esta instalação pode ser consequênciaevidente da sociedade actual e do processo de produção:fabrico rápido, vidas a curto prazo, utilizações efêmeras.http://www.designboom.com/weblog/cat/8/view/9361/bread-chair-by-enoc-armengol.html
  19. 19. o alfabeto do google eartho designer gráfico thomas de bruin sentou-se à frente do computador e começou a sobrevoar a holanda através do googleearth. viajou por todo o país, à procura de letras, números, sinais de pontuação. e encontrou. o resultado é este: o alfabeto dogoogle earth.um alfabeto de letras, números, sinais que são paisagens naturais ou construções arquitectónicas. para encontrá-los valeutudo: edifícios, auto-estradas, estádios de futebol, árvores, capturadas por imagens de satélites. http://www.yorokobu.es/2010/05/10/el-abecedario-de-google-earth/
  20. 20. trânsito colorido o projecto farbenmeer é um projecto de arte pública que pretende registar visualmente o trânsito na cidade de berlin. os voluntários derramam litros de tinta feitos à base de água em cruzamentos de ruas que através da passagem dos automóveis são distribuídos pelas várias ruas da cidade. são usadas cores diferentes para marcar padrões de tráfego. http://www.youtube.com/watch?v=pCCFIKxrkts&feature=relat ed http://www.urbanophil.net/index.php/allgemein/ein- farbenmeer/
  21. 21. matrículas de publicidadeprimeiro chegaram os painéis electrónicos a piscar campanhas nas estradas. agora a legislação da califórnia planeia tornar asmatrículas dos automóveis também em espaço publicitário. tudo isto com uma intenção: gerar uma fonte de rendimentosque promete reduzir o défice em alguns milhões.o dispositivo que imita uma matrícula normal quando o veículo estiver em movimento, transforma-se num anúncio digitalquando o veículo parar por mais de quatro segundos, seja em trânsito ou nos sinais vermelhos.também nestes casos o número da placa permanecerá sempre visível. outra funcionalidade será a transmisão de informaçãode trânsito.http://www.guardian.co.uk/world/2010/jun/22/california-car-licence-plate-adverts
  22. 22. gatorade: a segunda oportunidadea campanha "replay", criada pela tbwachiatday de los angeles para a marca gatorade jogou ao mais alto nível no festival decannes, onde de destacou com dois grand prix, em promo & activation e em pr.a acção pretendeu reviver uma antiga disputa entre jogadores de futebol americano de duas escolas americanas, queterminou num empate. quinze anos depois, os mesmos jogadores, já não tão jovens e em tão boa forma, deram o máximonos treinos para reviver novamente aquele jogo em que ninguém levou a taça.o esforço de reunir rivais de uma escola para uma partida 15 anos depois inspirou a mesma acção noutras modalidadesdesportivas e até se transformou num programa de tv.é um bom exemplo de uma ideia que parte de um evento e tem o poder de se espalhar pelas restantes áreas de comunicação.http://www.youtube.com/watch?v=f83tYPZdJX0http://www.guardian.co.uk/media/2010/jun/22/gatorade-ad-awards-cannes-lions
  23. 23. porquê mentir, se pode fazerteletransporte?machista, divertida e extremamente criativa, é a campanha criada pela saatchi & saatchi para a marca de cervejas argentina,andez.partiu do lugar comum, as mentiras inventadas às namoradas para esconder a ida a bares e discotecas com os melhoresamigos. foi o salto até instalar alguns “teletransporters” em bares, que serviam para salvar os homens dos telefonemasindesejados das namoradas, enquanto andam na “galdeirice”. estes pontos de teletransporte dão a possibilidade de escolhersons de fundo que ajudam a tornar a história bem mais real. vale a pena ver. valeu também o teletransporte para um grandprix em outdoor, prata em direct, e bronze em promotion&activation.http://www.youtube.com/watch?v=iKDgYKSEN6M
  24. 24. o que fazer à energia dos pésa orange é especialista em apresentar soluções inusitadas com um apeloecológico. foi assim quando criou um recarregador de gadgets movido “a passos”e agora ao apresentar umas botas que aproveitam o calor da transpiração dos péspara carregar os telemóveis.as orange power wellies são capazes de produzir energia a partir da humidadedos pés, transformando-a numa corrente elétrica utilizável, dando origem a umnovo tipo de energia alternativa - a welectricity.por enquanto é só um protótipo, esperamos que estejam à venda na próximatemporada de festivais de verão.http://www.gotwind.org/orange_power_wellies.htm#
  25. 25. o estendal que iluminauma linha de roupa pode inspirar um estendal, e pode inspirar também um novo sistema de iluminação. foi assim que oarquitecto e designer italiano gaetano pesce desenhou o interior do restaurante il cestello, em florença.http://www.gaetanopesce.com/http://www.designformankind.com/2010/06/clothesline-inspired-lamps/?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed:+DesignForMankind+(design+for+mankind)
  26. 26. uma balança que diz o que comerji lee, director criativo do google creative lab, criou uma balança que mostra a recomendação da próxima refeição ao invés dopeso.lógico que esta escala precisa de um ajuste a cada biótipo - os mais magros, com certeza irão enjoar de lasanha na maioriadas refeições recomendadas por esta balança.http://www.psfk.com/2010/06/future-of-health-a-diet-scale-that-recommends-meals.html
  27. 27. o mundo é um despertadorwake up world é um tipo de despertador social. esta recente aplicação de iphone, custa $0.99, e requer um username e umcódigo secreto de registo. depois basta partilhar este código secreto com outros utilizadores da aplicação, que poderão enviarvídeos na hora do alarme que o desperta todas as manhãs.um dos aspectos mais interessantes desta aplicação é a componente social, pois é um incentivo para recomendar a sua utilizaçãoaos mais que tudo, amigos, e até desconhecidos (ao chatroulette style), partilhando experiências surpreendentes de uma formadiferente ao que o facebook ja nos habituou.http://www.wakeupworldapp.com/
  28. 28. 1 milhão de árvores1 milhão de obrigadosa mais recente campanha da lowe ativism para a água serrada estrela saiu à rua no princípio de junho e traz com ela umabagagem com bastantes agradecimentos.desde 2002, que a marca água serra da estrela, em parceria como parque natural da serra da estrela e o instituto de conservaçãoda natureza e da biodiversidade, deu início a um programa dereflorestação da serra da estrela, que depressa se expandiu poroutras serras do país. durante 9 anos, com a mecânica "1 garrafa= 1 árvore plantada", os consumidores registaram as suas garrafasde água serra da estrela através do site da marca ou correio,convertendo as mesmas em árvores, cujo número foi crescendoaté atingir 1 milhão de árvores plantadas em 2010. este milhão deárvores ajudou a tornar portugal mais verde.pelo milhão de árvores plantadas, a todos um milhão de obrigados.www.aguaserradaestrela.pt
  29. 29. the next big audia audi prepara o lançamento do seu novo modelo a1 com uma big campanha digital.através do site audi.com/a1 o utilizador é levado para uma experiência interactiva onde tem a possibilidade deconfigurar o seu próprio a1, personalizar o seu estilo, fazer um test drive virtual, ouvir as opiniões da equipa quedesenhou este automóvel, acompanhar bem de perto todas as novidades através das redes sociais, ou ver umaserie de episódios em que justin timberlake ganhou o papel principal ao volante da next big thing do mundoautomóvel. no microsite pode também ouvir as músicas da banda torpedo e aproveitar para fazer uns downloads.http://microsites.audi.com/a1onlinespecial/html/popup.html#/locale=pt_PT
  30. 30. moleskine dos pobres, ou moleskine original?no brasil os designers não tem condições de “bancar” moleskines, pelo menos foi assim que nos contaram.parece que têm de improvisar com blocos de rascunhos, ou usar o verso das páginas de documentos. até osguardanapos são úteis. pensando nestes designers, pedro biz ofereceu em género de tutorial, a fórmula parafazer uma moleskine utilizando materiais de baixo custo.http://www.pedrobiz.com/index.php?/diversos/molespobre/
  31. 31. se quer continuar a receber esta revista,por favor envie o seu e-mail paramargarida.silva@lowe.ativism.pt +351 21 382 59 00 www.lowe.ativism.pt

×