Se ha denunciado esta presentación.
Se está descargando tu SlideShare. ×
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Anuncio
Cargando en…3
×

Eche un vistazo a continuación

1 de 14 Anuncio

Más Contenido Relacionado

Presentaciones para usted (20)

A los espectadores también les gustó (17)

Anuncio

Más reciente (20)

Anuncio

Agir Contra O H1 N1

  1. 1. AGIR CONTRA O H1N1 (V) SABA
  2. 2. A GRIPE A (H1N1) é uma infecção respiratória que actualmente se encontra numa fase pandémica de nível 6. A velocidade de propagação da doença é suficiente para colocar a população mundial em estado de alerta. Esta gripe assusta porque o seu agente é relativamente desconhecido. Prepara-te para enfrentar o desafio de atravessar o Outono e Inverno com um arsenal de informações que te permitam combater este inimigo feroz e traiçoeiro. Imagina que és um general e tens que preparar as tropas para a guerra! O inimigo tem nome, mas não conhecemos todas as armas que possui! Aposta na prevenção...
  3. 3. Sou um novo vírus da Gripe A (H1N1),que afecta os seres humanos. Este novo subtipo contém genes das variantes humana, aviária e suína do vírus da Gripe e apresenta uma combinação nunca antes observada em todo o Mundo. Em contraste com o vírus típico da gripe suína, este novo vírus da Gripe A(H1N1) é transmissível entre os seres humanos.
  4. 4. Ataco, além do contacto corporal, através das gotículas que se espalham quando se tosse ou espirra..
  5. 5. Também se dissemina em superfícies como maçanetas, teclados, livros ou papéis - e muita atenção ao dinheiro, que troca tantas vezes de mãos
  6. 6. As vítimas O vírus tem infectado, sobretudo, jovens adultos, com idades entre os 20 e os 40 anos. Mas há mais probabilidade de ser mortal nos grupos que se seguem:  >> Crianças com menos de 5 anos >> Maiores de 65 anos >> Doentes cardiovasculares, asmáticos, renais, hepáticos, hematológicos, neurológicos e diabéticos >> Grávidas
  7. 7. Período de Contágio 1 dia antes de se iniciar em os sintomas, até 7 dias depois do início dos sintomas.
  8. 8. <ul><li>Febre: Início súbito a 39º ou mais </li></ul><ul><li>Arrepios: Frequentes </li></ul><ul><li>Congestão nasal: Fraca ou inexistente </li></ul><ul><li>Tosse: Intensa e seca </li></ul><ul><li>Dor de garganta: Fraca </li></ul><ul><li>Dores musculares: Intensas </li></ul><ul><li>Ardor de olhos: Intenso </li></ul><ul><li>Febre: Baixa, sem ultrapassar os 38º </li></ul><ul><li>Arrepios: Esporádicos </li></ul><ul><li>Congestão nasal: Forte </li></ul><ul><li>Tosse: Pouco intensa </li></ul><ul><li>Dor de garganta: Forte </li></ul><ul><li>Dores musculares: Moderadas </li></ul><ul><li>Ardor de olhos: Leve </li></ul>Sintomas da gripe A Gripe sazonal
  9. 9. Se tossir ou espirrar, cubra a boca e o nariz com um lenço de papel! Cubra a boca e o nariz com um lenço de papel ou com o antebraço, mas nunca com a mão! De imediato, deposite no lixo o lenço utilizado.
  10. 10. Evite o contacto das mãos com os olhos, nariz e boca! Limpe frequentemente as superfícies ou objectos mais sujeitos a contacto, com os produtos de limpeza habituais! Evite frequentar espaços públicos fechados e pouco arejados. SABA
  11. 11. Com água e sabão sempre que possível Com S olução A nti-séptica de B ase A lcoólica – SABA – como alternativa à lavagem das mãos Lavar ou desinfectar as mãos várias vezes é muito IMPORTANTE!!!
  12. 12. Se ficar doente, permaneça em casa! Se estiver com sintomas de gripe, fique em casa e contacte a Linha Saúde 24, pelo número 808 24 24 24.
  13. 13. Pandemia - (do grego [ pan = tudo/ todo(s)] + [ demos = povo]) é uma epidemia de doença infecciosa que se espalha entre a população localizada em uma grande região geográfica como, por exemplo, um continente, ou mesmo o planeta Fases da Pandemia: Fase 1: Nenhum novo subtipo de vírus de gripe foi descoberto em humanos. Fase 2: Nenhum novo subtipo de vírus de gripe foi descoberto em humanos, mas uma doença, variante animal ameaça os humanos. Fase 3 : Infecção (humana) com um subtipo novo mas nenhuma expansão de humano para humano. Fase 4: Pequeno(s) foco(s) com transmissão de humano para humano com localização limitada. Fase 5: Maior(es) foco(s) mas expansão de humano para humano ainda localizado. Fase 6: Pandemia: aumenta a transmissão contínua entre a população geral.
  14. 14. Não te esqueças! A melhor forma de combater o vírus H1N1 está na PREVENÇÃO!

×